Mercado fechado

Joinville, em SC, decreta isolamento compulsório para idosos a partir desta quinta; decisão gera polêmica

 Haverá exceção em apenas três casos: deslocamento para o trabalho, atendimento de saúde ou compra de alimentos e produtos de saúde (Foto: Agência Brasil)

A partir de hoje (25), quem tem 60 anos ou mais está impedido de sair pelas ruas de Joinville, em Santa Catarina. Haverá exceção em apenas três casos: deslocamento para o trabalho, atendimento de saúde ou compra de alimentos e produtos de saúde. Além disso, o uso de máscaras de proteção nas ruas passa ser obrigatório — até agora era apenas recomendado.

E nos siga no Google News:

Yahoo Notícias | Yahoo Finanças | Yahoo Esportes | Yahoo Vida e Estilo

A medida, decretada pelo prefeito do município, Udo Dohler (MDB-SC), foi publicada na última terça-feira (23).

A Defensoria Pública do Estado questiona a determinação por entender que há violação ao direito de locomoção das pessoas. Segundo jornal local NSC Total, existe a possibilidade da instituição apresentar ação judicial contra o decreto.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Segundo a prefeitura da cidade, a maior ocupação dos leitos de UTI, que até o dia da publicação do decreto era de 67% das 90 vagas disponíveis nas redes pública e privada, foi um dos motivos para a tomada da decisão. 

Santa Catarina registrou o maior número de mortes pela Covid-19 no período de 24 horas desde o início da pandemia. De acordo com o boletim divulgado pelo governo do Estado, foram mais 16 mortes e 1,6 mil novos casos confirmados. No total, são 279 óbitos e 20.921 casos do novo coronavírus.

Leia também

Entre as pessoas que morreram nas últimas 24 horas no Estado, estão 12 idosos. Dois deles, moradores de Joinville: uma mulher de 63 anos e um homem de 91, segundo foi informado pelo governo de Santa Catarina. 

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.