Mercado fechado

#Verificamos: Montagem usa foto de enterro e imagem do presidente do México para acusar Biden de pedofilia

Agência Lupa
·2 minuto de leitura
Montagem usa foto de enterro e imagem do presidente do México para acusar Biden de pedofilia - Foto: Reprodução
Montagem usa foto de enterro e imagem do presidente do México para acusar Biden de pedofilia - Foto: Reprodução

por ÍTALO RÔMANY

Circula nas redes sociais uma montagem com fotos que, segundo o post, seriam do presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, beijando crianças no rosto. A publicação diz que os registros comprovam que Biden seria um “pedófilo assumido”. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

Montagem usa foto de enterro e imagem do presidente do México para acusar Biden de pedofilia - Foto: Reprodução
Montagem usa foto de enterro e imagem do presidente do México para acusar Biden de pedofilia - Foto: Reprodução

“O cara é um pedófilo assumido. Maldito! Porco imundo!”
Legenda de imagem publicada em post do Facebook que, até as 14h de 10 de novembro de 2020, tinha mais de 1 mil compartilhamentos

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. A imagem que aparece à esquerda da publicação foi tirada de contexto. Na verdade, mostra o então vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, durante o funeral de seu filho Beau Biden, em 6 de junho de 2015. O registro, feito por Patrick Semansky, da Associated Press, captura o momento em que Biden conforta o seu neto. O filho do presidente eleito morreu aos 46 anos, por causa de um tumor cerebral. A agência Reuters também desmentiu o boato em março deste ano.

A foto da direita, por outro lado, é um registro que exibe o atual presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, abraçando e beijando simpatizantes, entre elas, a criança que aparece na publicação das redes sociais. O vídeo que mostra o exato momento foi publicado no Twitter do próprio presidente, em 14 de março deste ano. “Ao sair do hotel Ometepec, cumprimentei e atendi aos pedidos das pessoas. Estamos indo para Xochistlahuaca”, afirma, na publicação. No post, AMLO, como é conhecido o presidente, foi bastante criticado, por estar cumprimentando as pessoas sem os devidos cuidados no ínicio da pandemia da Covid-19.

O pai da criança explicou à imprensa que a filha queria saudar o presidente mexicano. “Fomos com muita emoção até a porta do hotel onde ele se hospedou. Com muita emoção fomos saudar o presidente. Minha filha queria abraçá-lo, então eu levei ela até o presidente para que pudesse abraçá-la”, disse.

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Maurício Moraes