Mercado fechado

#Verificamos: É falso que Doria assinou convênio para vacina contra a Covid-19 em agosto do ano passado

Foto: REUTERS/Amanda Perobelli

por NATHÁLIA AFONSO

Circula nas redes sociais que o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), disse que assinou o convênio para a produção e teste de uma vacina chinesa contra a Covid-19 em agosto de 2019. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

É falso que Doria assinou convênio para vacina contra a Covid-19 em agosto do ano passado - Foto: Reprodução

” (…) Dória disse que assinou convênio para essa vacina em agosto de 2019? Ué, então quer dizer que já sabia do vírus em agosto do ano passado?!”
Texto de imagem que, até às 19h do dia 15 de junho de 2020, tinha sido compartilhado por mais de 500 pessoas

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. O texto se baseia em uma interpretação errada de uma afirmação do governador de São Paulo, João Doria. Em coletiva de imprensa na última quinta-feira (11), o governo disse que a parceria entre o Instituto Butantan e a farmacêutica Sinovac para a realização de testes no Brasil se tornou possível por causa da abertura de um escritório comercial em Xangai, na China, em agosto de 2019. Ele não disse que o contrato foi assinado nesta data.

Em 9 de agosto de 2019, Dória inaugurou um escritório comercial em Xangai, chamado de InvestSP. O escritório, financiado pela iniciativa privada, visa atrair investidores chineses para o estado. Naquele momento, logicamente, nenhuma vacina contra a Covid-19 estava sendo desenvolvidas, pois o vírus não tinha, ainda, sido identificado. 

A vacina da Sinovac contra Covid-19 foi aprovada para testes em humanos em 14 de abril de 2020. Em 10 de junho, a empresa assinou contrato com o Instituto Butantan para produzir e testar a imunização no Brasil. Além desta, 9 outras vacinas contra o novo coronavírus estão em estágio de testes clínicos – incluindo uma que está sendo desenvolvida pela Universidade de Oxford e também será testada aqui.

A assessoria de imprensa do Instituto Butantan informou que a fala de Doria “remete à missão do Governo do Estado à China, realizada em agosto passado, e à inauguração de um escritório comercial em Xangai com o objetivo justamente de fortalecer e ampliar as relações econômicas com o país asiático, por ser um grande parceiro do Brasil na área comercial”. O instituto ressaltou ainda que a parceria para criar a vacina contra a Covid-19 foi feita em junho de 2020.  

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Chico Marés