Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.953,90
    +411,95 (+0,42%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.743,15
    +218,70 (+0,46%)
     
  • PETROLEO CRU

    108,46
    +2,70 (+2,55%)
     
  • OURO

    1.812,90
    +5,60 (+0,31%)
     
  • BTC-USD

    19.250,39
    -256,19 (-1,31%)
     
  • CMC Crypto 200

    420,84
    +0,70 (+0,17%)
     
  • S&P500

    3.825,33
    +39,95 (+1,06%)
     
  • DOW JONES

    31.097,26
    +321,83 (+1,05%)
     
  • FTSE

    7.168,65
    -0,63 (-0,01%)
     
  • HANG SENG

    21.859,79
    -137,10 (-0,62%)
     
  • NIKKEI

    25.935,62
    -457,42 (-1,73%)
     
  • NASDAQ

    11.610,50
    +81,00 (+0,70%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5587
    +0,0531 (+0,96%)
     

Bilionário acusado de tráfico de menores queria congelar o cérebro e acreditava em eugenia

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Foto: New York State Sex Offender Registry via AP
Foto: New York State Sex Offender Registry via AP

Jeffrey Epstein, o bilionário norte-americano preso sob suspeita de coordenar um esquema de tráfico sexual de menores, queria congelar o cérebro a fim de apoiar estudos de eugenia, segundo pessoas próximas.

SIGA O YAHOO FINANÇAS NO INSTAGRAM

É o que diz uma reportagem publicada nesta semana pelo jornal norte-americano The New York Times. Além disso, o magnata é descrito por ao menos um cientista que trabalhou com ele como um “impostor intelectual”.

Leia também

Segundo fontes do NYT, Epstein apoiava e até investia em projetos baseados em eugenia, a ciência racista usada durante anos para justificar a escravidão de imigrantes da África nas Américas e também o holocausto pelos nazistas.

Os eugenistas acreditam que diferentes algumas “raças” são superiores a outras no nível genético. Entre outras histórias, testemunhas contam que Epstein certa vez quis engravidar 20 mulheres de uma vez com seu esperma para “espalhar o seu DNA”.

Epstein também acreditava em criogenia, a ideia de congelar partes ou todo o corpo para ser trazido de volta à vida no futuro. O bilionário teria dito a amigos que pretendia congelar o cérebro e o pênis para uso futuro em experimentos de eugenia.

Steven Pinker, um psicólogo de Harvard com quem Epstein conversou a respeito de suas teorias, o descreveu como um “impostor intelectual”. “Ele mudava abruptamente de assunto no meio de uma conversa, como quem tem défcit de atenção, e descartaria uma observação usando uma piada adolescente”, disse.

Apesar disso, Epstein tinha conexões e influências com nomes da alta academia, incluindo o físico Stephen Hawking, o vencedor do Nobel Murray Gell-Mann, o biólogo e paleontólogo Stephen J. Gould e o escritor Oliver Sacks.

Recentemente, Epstein foi encontrado desacordado e com marcas no pescoço após o que parece ter sido uma tentativa de suicídio. O empresário, que tem 66 anos, recebeu atendimento médico e voltou para a sua cela no Metropolitan Correctional Center, em Nova York.

Acusação

O bilionário foi preso em 6 de julho sob a acusação de coordenar uma rede que pagava centenas de dólares em dinheiro para meninas realizarem atos sexuais em suas casas de luxo em Nova York e na Flórida.

Os procuradores dizem que o esquema foi mantido por três anos, de 2002 a 2005. O juiz que determinou sua prisão preventiva diz que Epstein representa “risco extraordinário de fuga”.

O bilionário se declara inocente. Em 18 de julho, um juiz negou seu pedido de liberdade condicional. O julgamento ainda não foi marcado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos