Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.800,79
    -3.874,54 (-3,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.868,32
    -766,28 (-1,48%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,81
    +0,19 (+0,26%)
     
  • OURO

    1.816,90
    -18,90 (-1,03%)
     
  • BTC-USD

    41.883,93
    +1.769,58 (+4,41%)
     
  • CMC Crypto 200

    955,03
    +5,13 (+0,54%)
     
  • S&P500

    4.395,26
    -23,89 (-0,54%)
     
  • DOW JONES

    34.935,47
    -149,06 (-0,42%)
     
  • FTSE

    7.032,30
    -46,12 (-0,65%)
     
  • HANG SENG

    25.961,03
    -354,29 (-1,35%)
     
  • NIKKEI

    27.283,59
    -498,83 (-1,80%)
     
  • NASDAQ

    14.966,50
    -71,25 (-0,47%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1880
    +0,1475 (+2,44%)
     

JClub reabre na Praia do Flamengo com temporada de shows intimistas

·2 minuto de leitura

Após quase dois anos fechado, o JClub, espaço destinado à música na Casa Julieta de Serpa, na Praia do Flamengo, reabre nesta quinta-feira para uma série de apresentações em clima intimista, sempre às quintas e sextas-feiras. Até o final de setembro, passarão por lá nomes como João Bosco, Marcelo Jeneci, Moreno Veloso + Bem Gil, João Cavalcanti, Duda Brack e Mariana Volker. Quem abre a programação é Ceiça Moreno, cantora e sanfoneira pernambucana que participou do “The Voice+”, da TV Globo. Na sexta, o show será de Leila Maria, que também passou pelo programa.

Aos 74 anos, Ceiça leva para o palco do palacete em estilo neoclássico um repertório de ritmos nordestinos e de MPB, com releituras de canções de Luiz Gonzaga, Fagner e Elba Ramalho, entre outros, além de músicas autorais.

— Eu sempre fui apaixonada pelo Rio, um lugar de sonhos. E minha cabeça é cheia de sonhos, mesmo sendo já idosa — diz a cantora, formada em Música pela Universidade Federal de Pernambuco. — Sempre toquei nas festinhas, nas missas, recepções. Eu queria estudar piano, mas minha mãe não tinha dinheiro para comprar piano, então fui estudar sanfona com as freiras.

Acompanhada de Raimundo Luiz (violão) e Igor Conde (percussão), Ceiça vai usar a sanfona nova que ganhou dos jurados do “The Voice+”.

—Claudia Leitte movimentou isso com os técnicos. Eu estou tão envaidecida com a minha sanfona, imagine, foi a vaquinha das celebridades (risos).

A curadora Letícia Pires, que está à frente da temporada de shows do JClub pela terceira vez, diz que procurou mesclar artistas consagrados com nomes em ascensão, como Ella Fernandes e Pavuna:

—São shows com formato mais acústico, e com artistas que estão em sintonia com o momento que estamos vivendo. A capacidade de público está bastante reduzida, com apenas 30 ingressos à venda, que podem sem comprados apenas em duplas ou em mesas para quatro. Não estamos tratando esses shows como celebração de retorno à normalidade, mas como um apoio à classe artística.

Onde: JClub. Casa de Julieta de Serpa. Praia do Flamengo 340 (2551-1278). Quando: Qui e sex, às 21h. R$ 80 (venda apenas pelo Sympla). Classificação: 18 anos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos