Mercado abrirá em 7 hs

JBS vai investir R$ 100 mi em fábrica de alta tecnologia em SP

A JBS vai inaugurar duas novas unidades de negócios no interior de São Paulo. (Foto: Matthew Stockman/Getty Images)

Presidente Epitácio, município do interior de São Paulo com cerca de 43 mil pessoas e situado às margens do Rio Paraná, receberá duas novas unidades da multinacional de origem brasileira JBS, especializada no processamento de carne e insumos animais. Os investimentos chegam a R$ 100 milhões, que serão utilizados para reformular uma antiga unidade de frigorífico da empresa, desativada em 2016. 

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Serão duas as empresas, ambas do grupo JBS, que se instalarão na cidade com a nova decisão estratégica da companhia: a primeira é a Orygina, divisão de alta tecnologia dedicada a produzir insumos para a indústria farmacêutica e médica a partir de derivados da cadeia de processamento de carne. Ou seja, a companhia utiliza partes, elementos e substâncias do abate, como órgãos e tecidos dos animais, para dar a eles novos usos, no desenvolvimento de remédios e outros produtos industrializados. 

Leia também

A JBS descreve assim o propósito dessa sua divisão: “Com processos de alta tecnologia, a Orygina produz insumos para a indústria farmacêutica com foco no desenvolvimento de materiais básicos para centros de pesquisa, desenvolvimento molecular, terapias genéticas e vacinas. A fonte desses suprimentos é a própria JBS.”

Um dos focos da fábrica em Presidente Epitácio, com inauguração prevista para 2023, é a produção do anticoagulante heparina, obtido a partir da mucosa do intestino de porcos e bois. 

“Essa é uma  substância anticoagulante utilizada na indústria farmacêutica indicada para o tratamento de doenças cardiovasculares, uma das principais causas de mortalidade no mundo”, informa Nelson Dalcanale, presidente da JBS Novos Negócios. “A heparina bovina, por exemplo, também é utilizada em medicamentos diversos para tratamento de trombose e embolia pulmonar.”

Além da nova unidade da Orygina, será instalada também na cidade – e as obras já estão em andamento – um novo posto da JBS Transportadora, parte da unidade de logística da multinacional. A estimativa é que as operações comecem em 30 dias. Segundo a empresa, a nova unidade servirá como importante hub de integração de rotas da JBS, interligando o mapa de operações nos estados do Mato Grosso do Sul e Paraná.

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.