Mercado abrirá em 4 h 11 min
  • BOVESPA

    119.710,03
    -3.253,98 (-2,65%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.748,41
    -906,88 (-1,83%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,46
    -1,62 (-2,45%)
     
  • OURO

    1.815,80
    -7,00 (-0,38%)
     
  • BTC-USD

    50.306,62
    -6.459,97 (-11,38%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.368,94
    -194,89 (-12,46%)
     
  • S&P500

    4.063,04
    -89,06 (-2,14%)
     
  • DOW JONES

    33.587,66
    -681,50 (-1,99%)
     
  • FTSE

    6.830,06
    -174,57 (-2,49%)
     
  • HANG SENG

    27.718,67
    -512,37 (-1,81%)
     
  • NIKKEI

    27.448,01
    -699,50 (-2,49%)
     
  • NASDAQ

    12.948,00
    -50,50 (-0,39%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4178
    +0,0123 (+0,19%)
     

JBS compra Vivera e estreia produção de carne vegetal na Europa

Fabiana Batista
·2 minuto de leitura

(Bloomberg) -- A JBS, maior produtora de carne do mundo, assinou proposta vinculante para adquirir a produtora holandesa de alimentos vegetais Vivera BV, abrindo caminho para ser um player global significativo neste segmento.

A gigante de proteína animal vai pagar 341 milhões de euros pela Vivera, cujos ativos incluem 3 unidades de produção e um centro de pesquisa na Holanda. A Vivera possui um portfólio de 50 produtos e vende para 25 países europeus.

Com a aquisição, cuja conclusão ainda depende de aprovação dos órgãos reguladores, a JBS vai estrear na produção própria de carne vegetal na Europa.

“Essa aquisição agrega muito valor estratégico para a JBS, pois a Vivera é a terceira produtora de alimentos de base vegetal da Europa”, disse o CEO da JBS, Gilberto Tomazoni, à Bloomberg”, disse o CEO da JBS, Gilberto Tomazoni, à Bloomberg.

A receita da indústria global de carne vegetal, ovos e alternativas lácteas deve chegar a US$ 290 bilhões até 2035, ou 11% do mercado de proteína animal, de acordo com o Boston Consulting Group.

A JBS, assim como a rival americana Tyson Foods Inc., entrou no mercado de carnes vegetais em 2019. A empresa já tem um tamanho considerável, com cerca de 57% do mercado de hambúrguer de base vegetal no Brasil. Na Europa, sua subsidiária Moy Park fornece hambúrgueres de frango vegetais. Também possui 10 produtos à base de plantas em mais de 3.000 lojas nos EUA sob a marca OZO, onde as vendas aumentaram 300% no ano passado.

“O negócio com a Vivera fortalece a posição da JBS no segmento de carnes alternativas, abrindo caminho para nossos planos de ser um grande player”, disse Tomazoni.

No início deste ano, o executivo afirmou que estava considerando a criação de uma nova empresa global focada exclusivamente em produtos à base de plantas. A empresa disse que tem um grande apetite por crescimento depois de registrar um fluxo de caixa recorde no ano passado.

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.