Mercado fechado
  • BOVESPA

    119.371,48
    -690,52 (-0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.092,31
    +224,69 (+0,46%)
     
  • PETROLEO CRU

    61,78
    +0,35 (+0,57%)
     
  • OURO

    1.784,30
    +2,30 (+0,13%)
     
  • BTC-USD

    51.880,67
    -3.086,46 (-5,62%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.194,54
    -48,51 (-3,90%)
     
  • S&P500

    4.134,98
    -38,44 (-0,92%)
     
  • DOW JONES

    33.815,90
    -321,41 (-0,94%)
     
  • FTSE

    6.938,24
    +42,95 (+0,62%)
     
  • HANG SENG

    28.755,34
    +133,42 (+0,47%)
     
  • NIKKEI

    29.188,17
    +679,62 (+2,38%)
     
  • NASDAQ

    13.763,75
    +13,50 (+0,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5423
    -0,1597 (-2,38%)
     

Japoneses preferem Jogos Olímpicos sem espectadores do exterior

·1 minuto de leitura
(Arquivo) Os anéis olímpicos diante do Museu Olímpico Japonês, em Tóquio

Muitos japoneses são contrários à presença de torcedores procedentes do exterior nos Jogos Olímpicos de Tóquio devido à pandemia, de acordo com uma pesquisa publicada nesta segunda-feira.

A pesquisa, do jornal Yomiuri, revela que apenas 18% dos entrevistados são favoráveis à permissão de entrada de espectadores estrangeiros no Japão para os Jogos Olímpicos, enquanto 77% são contrários.

Os Jogos de Tóquio, que deveriam ter acontecido em 2020, foram adiados devido à crise de saúde mundial e estão programados para acontecer de 23 de julho a 8 de agosto.

O comitê organizador de Tóquio-2020 informou na semana passada que se pronunciará sobre a questão dos visitantes estrangeiros até o fim do mês, provavelmente antes do início do revezamento da tocha olímpica, em 25 de março.

De acordo com a imprensa, o governo japonês, o município de Tóquio e o comitê organizador dos Jogos Olímpicos se inclinam pela proibição de espectadores procedentes do exterior, permitindo apenas a presença da torcida local.

A pesquisa do jornal Yomiuri mostra que 45% dos entrevistados são favoráveis à presença de torcedores no evento, enquanto 48% são contrários.

A presidente do comitê Tóquio-2020, Seiko Hashimoto, declarou na sexta-feira que os organizadores "desejam realmente celebrar o evento em ginásios lotados, com torcedores de todo o mundo, mas será difícil se não pudermos recebê-los e a situação das instalações médicas não for perfeita".

Os organizadores pretendem tomar uma decisão em abril sobre a capacidade máxima dos estádios no contexto da pandemia.

A pesquisa foi realizada entre 5 e 7 de março por telefone e 1.066 das 1.977 pessoas contactadas responderam as perguntas.

amk/sah/ras/mac/ybl/erl/fp