Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.976,70
    -2.854,45 (-2,55%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.668,64
    -310,37 (-0,60%)
     
  • PETROLEO CRU

    76,28
    -1,66 (-2,13%)
     
  • OURO

    1.754,00
    +8,40 (+0,48%)
     
  • BTC-USD

    16.562,49
    -23,69 (-0,14%)
     
  • CMC Crypto 200

    386,97
    +4,32 (+1,13%)
     
  • S&P500

    4.026,12
    -1,14 (-0,03%)
     
  • DOW JONES

    34.347,03
    +152,97 (+0,45%)
     
  • FTSE

    7.486,67
    +20,07 (+0,27%)
     
  • HANG SENG

    17.573,58
    -87,32 (-0,49%)
     
  • NIKKEI

    28.283,03
    -100,06 (-0,35%)
     
  • NASDAQ

    11.782,80
    -80,00 (-0,67%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,6244
    +0,0991 (+1,79%)
     

Japonesa ispace contrata "seguro espacial" para sua missão na Lua

A japonesa Mitsui Sumitomo Insurance (MSI), subsidiária do grupo MS&AD Insurance Group Holdings, fechou um acordo com a empresa de exploração lunar ispace para oferecer o primeiro seguro lunar do mundo. Segundo um comunicado publicado pela ispace, o seguro cobrirá os riscos da primeira missão da empresa à Lua, com cobertura desde o lançamento do foguete ao pouso do módulo em nosso satélite natural.

O firmamento do acordo é o resultado do Memorando de Entendimento firmado entre as empresas no início do ano. Com o novo acordo, a cobertura do seguro inclui o foguete Falcon 9 que levará as cargas úteis e o estabelecimento da comunicação e transmissão de dados entre o lander e o centro de controle da missão, após pousar em solo lunar.

O lander Hakuto-R, da ispace, levará diferentes cargas úteis à Lua (Imagem: Reprodução/ispace)
O lander Hakuto-R, da ispace, levará diferentes cargas úteis à Lua (Imagem: Reprodução/ispace)

Por meio de sua missão Mission 1 (M1), a ispace quer levar à Lua o o lander Hakuto-R, que estará com o rover Rashid 1, dos Emirados Árabes, um pequeno robô da agência espacial japonesa JAXA, entre outros. A missão seria lançada no início de novembro, mas acabou adiada para o fim do mês.

Em seu comunicado, a ispace destacou a importância do seguro para a M1. “Sendo avaliada como uma empresa com tecnologia e modelo de negócios confiáveis pelo mercado internacional de seguros espaciais, a ispace usará a apólice em sua primeira missão”, afirmaram.

No futuro, a ispace planeja ampliar o escopo da cobertura do seguro, para aprofundar o compromisso de promover o desenvolvimento desta e de outras iniciativas que contribuam para a criação de um ecossistema cislunar.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: