Mercado fechado

James Webb fotografa Júpiter, seu anel e luas

Além das cinco primeiras imagens magníficas do James Webb (JWST) divulgadas na terça-feira (12), a equipe do telescópio publicou (na surdina) fotos de Júpiter feitas durante a fase de testes da câmera de infravermelho próximo (NIRCam). Embora não seja tão espetacular, a imagem mostra que o telescópio é melhor que se imaginava.

Esses registros de Júpiter foram feitos quando os instrumentos científicos do JWST estavam sendo testados. A ideia era garantir que o telescópio conseguiria acompanhar e fotografar um objeto próximo do Sistema Solar — até porque Júpiter e suas luas serão alvos do James Webb.

Para isso, a equipe usou a câmera de infravermelho (IR) próximo e dois filtros diferentes para capturar fótons de diferentes comprimentos de onda (no espectro eletromagnético, o IR próximo vai dos comprimentos de 780 a 2.500 nanômetros, maior do que toda a faixa de luz visível).

Duas imagens de Júpiter em diferentes comprimentos de onda do infravermelho próximo (Imagem: Reprodução/NASA/ESA/CSA/STScI)
Duas imagens de Júpiter em diferentes comprimentos de onda do infravermelho próximo (Imagem: Reprodução/NASA/ESA/CSA/STScI)

Os desafios eram muitos. Além de Júpiter estar bem próximo da Terra (em escalas cósmicas), é um objeto rápido (embora seja o mais lento dos possíveis alvos do Sistema Solar) e reflete muita luz do Sol. Ainda assim, as imagens mostram o planeta e seu anel, que não costuma aparecer nas imagens de luz visível do Hubble, por exemplo.

Três de suas luas também estão visíveis, além da presença da sombra da lua Europa na superfície, na imagem à esquerda, logo à esquerda da Grande Mancha Vermelha. Isso é importante porque os cientistas pretendem estudar detalhes ainda desconhecidos de luas como Ganimedes, onde pode existir um oceano de água salgada.

Os resultados dos testes demonstraram que o JWST se saiu melhor do que o esperado rastreando objetos do Sistema Solar e, portanto, será útil para estudar cometas, asteroides e outros planetas ao redor de nosso Sol.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos