Mercado fechado

James Dean será levado de volta aos cinemas em CGI para adaptação de romance

Natalie Rosa

O astro James Dean, que faleceu precocemente em 1955, com apenas 24 anos, será imortalizado no cinema graças à tecnologia CGI no filme Finding Jack. A família do ator autorizou a produtora Magic City Films para que Dean apareça na trama como um dos personagens principais.

Finding Jack será uma adaptação de um romance de Gareth Crocker, baseado em acontecimentos reais, que conta a história do abandono de mais de 10 mil unidades caninas no fim da Guerra do Vietnã.

Anton Ernst, produtor do filme, conta que está honrado em ter o apoio da família e que a produção está tomando todo o cuidado necessário para garantir o seu legado como um dos maiores atores da história. "A família enxerga isso como o seu quarto filme, um filme que ele nunca teve a chance de fazer. Nós não pretendemos decepcionar seus fãs", completa.

Imagem: Reprodução

Também participam do projeto o Artistry Media Group e as empresas de efeitos visuais Imagine Engine e MOI Worldwide, responsáveis pela criação de uma versão realista de Dean em CGI. O objetivo da Magic City Films é evoluir ainda mais a tecnologia, gerando oportunidades para fazer o mesmo com novos clientes que já não estão mais entre nós. 

Em sua curta carreira no cinema, James Dean estrelou filmes como Assim Caminha a Humanidade (1956), Vidas Amargas (1955) e Juventude Transviada (1955).


Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: