Mercado fechará em 2 h 14 min

Bolsonaro ignora desemprego recorde na pandemia e diz que "economia está reagindo muito bem"

·1 minuto de leitura
Foto: EVARISTO SA/AFP via Getty Images
Foto: EVARISTO SA/AFP via Getty Images

No mesmo dia em que o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontou que mais de 14 milhões de brasileiros sofrem com o desemprego, número recorde durante a pandemia do novo coronavírus, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou que vê o Brasil com uma boa resposta na área econômica.

O presidente chegou até a citar a mesma expressão que Paulo Guedes, ministro da Economia, usa com frequência: “recuperação em V”.

Leia também

"O Brasil, na parte econômica, é um daqueles que melhor tem dado resposta a essa pandemia. A nossa economia tem reagido muito bem. Cada vez mais eu acredito na palavra e no trabalho do Paulo Guedes e sua equipe, de modo que estamos saindo sim em V dessa crise", disse o presidente durante cerimônia de inauguração de uma planta de biogás em São Paulo.

Diante de uma plateia de empresários, Bolsonaro diz que sua presença no evento era uma forma de convencer mais empresas a investir no Brasil. O presidente alego que seu governo não atrapalhará novos negócios.

Ricardo Salles, ministro do Meio Ambiente, esteve ao lado do presidente no evento. Ele é um dos membros da gestão Bolsonaro mais criticados, até no âmbito internacional, pela grave crise ambiental que o país vive com queimadas recordes tanto na Amazônia como no Pantanal.

Apesar disso, Bolsonaro ressaltou que, segundo ele, o Ministério do Meio Ambiente “não atrapalha a vida do empresário” e que sua gestão "não cria dificuldades para vender facilidades".