Mercado fechado
  • BOVESPA

    112.764,26
    +3.046,32 (+2,78%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.853,37
    +392,82 (+0,81%)
     
  • PETROLEO CRU

    91,88
    -2,46 (-2,61%)
     
  • OURO

    1.818,90
    +11,70 (+0,65%)
     
  • BTC-USD

    24.418,34
    +683,10 (+2,88%)
     
  • CMC Crypto 200

    574,64
    +3,36 (+0,59%)
     
  • S&P500

    4.280,15
    +72,88 (+1,73%)
     
  • DOW JONES

    33.761,05
    +424,38 (+1,27%)
     
  • FTSE

    7.500,89
    +34,98 (+0,47%)
     
  • HANG SENG

    20.175,62
    +93,19 (+0,46%)
     
  • NIKKEI

    28.546,98
    +727,65 (+2,62%)
     
  • NASDAQ

    13.580,00
    +268,75 (+2,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2024
    -0,1213 (-2,28%)
     

Jaguar E-Type Roadster é vendido por US$ 85 mil

Modelo compartilha semelhanças com os modelos E-Type das Séries 1 e 2 e sua mecânica inclui um motor de seis cilindros em linha de 4,2 litros (Getty Creative)
Modelo compartilha semelhanças com os modelos E-Type das Séries 1 e 2 e sua mecânica inclui um motor de seis cilindros em linha de 4,2 litros (Getty Creative)
  • Jaguar E-Type Roadster foi vendido neste domingo por US$ 85.500;

  • Modelo compartilha semelhanças com os modelos E-Type das Séries 1 e 2

  • Sua mecânica inclui um motor de seis cilindros em linha de 4,2 litros.

Um raro exemplar de Jaguar E-Type Roadster, de 1968, foi vendido neste domingo (24) pela leiloeira Bring a Trailer por US$ 85.500 (quase R$ 462 mil).

O E-Type foi vendido como novo na Califórnia e passou por uma atualização estética há cerca de dez anos. Originalmente, foi finalizado em um tom de cor conhecido como Sable, mas foi repintado com seu atual estofamento de couro verde escuro e esportivo.

O modelo em questão faz parte da Série 1.5, que compartilha semelhanças com os modelos E-Type das Séries 1 e 2. Como nos modelos da Série 2, os faróis são mais expostos e a abertura da grade frontal é menor. Já as semelhanças com o Série ficam por conta das luzes traseiras situadas acima do para-choque traseiro. O carro também possui uma capota de lona bege, espelho lateral do motorista cromado, capô com persianas e rodas de arame polido de 15 polegadas com pneus de listra vermelha.

Sua mecânica inclui um motor de seis cilindros em linha de 4,2 litros, com carburadores SU duplos e uma transmissão manual de quatro velocidades que aciona as rodas traseiras. Informações da época de lançamento apontam que o modelo produz 183 kW e 356 Nm de torque.

Entre outras características, há um volante com aro de madeira, estéreo de cassete Sony AM / FM, interruptores basculantes, um espelho retrovisor com altura ajustável e um relógio analógico de substituição. Foi comprado pela última vez em 2017 e tem apenas 64.373 km rodados.

Outras raridades

Um Honda Civic SiR de sexta geração (EK4), japonês, e com apenas 26 quilômetros no hodômetro, não está à venda, mas seu proprietário aceita fazer negócios. Desde que sejam “ofertas na casa dos seis dígitos", ou seja, de mais de 100 mil euros - cerca de R$ 540 mil.

O que está valorizando o carro em questão é a história por trás dele. Segundo o blog automotivo português Razão Automóvel, o Civic ainda tem os plásticos de fábrica nos bancos, os encostos de cabeça dos bancos traseiros sequer foram instalados e permaneceu guardado desde que saiu da fábrica, em 1996.

No final de junho, um exemplar do Maserati 3500 GTi, um dos veículos mais raros da marca italiana e que teve apenas cerca de 450 unidades produzidas, estava sendo vendido por US$ 139.500 (aproximadamente R$ 730 mil na cotação atual).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos