Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +0,46 (+0,65%)
     
  • OURO

    1.763,90
    -10,90 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    34.483,52
    -1.549,88 (-4,30%)
     
  • CMC Crypto 200

    888,52
    -51,42 (-5,47%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.103,00
    -62,50 (-0,44%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0361
    +0,0736 (+1,23%)
     

Itapemirim lança companhia aérea

·1 minuto de leitura

Por Marcelo Rochabrun

SÃO PAULO (Reuters) - A empresa de ônibus Itapemirim está lançando uma companhia aérea que vai começar a voar em junho e espera ter uma frota de 50 aviões Airbus A320 até o próximo ano.

"Temos a intenção de ser a maior companhia aérea do Brasil, com todo o respeito aos nossos concorrentes", disse Sidnei Piva, presidente do Grupo Itapemirim, que sairá de processo de recuperação judicial neste mês.

"Não vamos parar apenas nessas 50 aeronaves, planejamos multiplicar esse número várias vezes."

A chave para seu argumento é vender passagens que combinam viagens aéreas e de ônibus, reduzindo o tempo de viagem entre as cidades menores do Brasil sem aumentar muito o custo.

Piva disse que a Itapemirim não terá pagamentos de dívidas pelos próximos quatro anos e atualmente conta com um investimento de 500 milhões de dólares de um fundo soberano dos Emirados Árabes Unidos, embora a empresa não diga qual.

Piva acrescentou que Itapemirim se concentrará em serviço de alta qualidade a bordo, amplo espaço para as pernas e bagagens despachadas gratuitamente.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos