Mercado fechará em 1 h 13 min

Itaúsa conclui compra de fatia da CCR, indica Roberto Setubal para conselho

SÃO PAULO (Reuters) - A Itaúsa informou nesta segunda-feira a conclusão do investimento dela e da Votorantim na concessionária de infraestrutura CCR, anunciado em julho.

A transação considera a compra de 300,15 milhões de ações da CCR, ou 14,86% do capital antes detidos pela Andrade Gutierrez, pelo valor de cerca de 4,1 bilhões de reais.

Desse total, a Itaúsa ficou com 10,33% do capital da CCR, com investimento de 2,9 bilhões de reais.

O comunicado informou ainda a entrada em vigor do novo acordo de acionistas, incluindo Itaúsa, Votorantim e outros controladores da CCR, com a Itaúsa tendo o direito de indicar dois membros do conselho de administração.

Os indicados da companhia são Roberto Setubal, copresidente do conselho de administração do Itaú Unibanco, do qual a Itaúsa é também controladora, e Vicente Assis, ex-presidente da McKinsey, informou em comunicado separado.

(Por Aluísio Alves)