Mercado fechará em 1 h 7 min

Itália vê mercado comum europeu em risco se resposta à pandemia não for coordenada

.

MADRI (Reuters) - O primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, alertou nesta quarta-feira que o mercado comum europeu pode estar em risco se a resposta da região às conseqüências econômicas da epidemia de Covid-19 não for "forte e coordenada".

"Destruiríamos o mercado comum", disse Conte a repórteres em Madri durante entrevista coletiva junto com o premiê espanhol, Pedro Sánchez.

A visita de Conte a Madri se seguiu à feita ao primeiro-ministro de Portugal, António Costa, em Lisboa, enquanto os países do sul da Europa continuam buscando uma posição comum na negociação sobre um fundo de recuperação para reativar a economia do bloco.

Os líderes europeus se reunirão em Bruxelas nos dias 17 e 18 de julho para tentar chegar a um acordo sobre a estrutura do fundo, embora ainda existam diferenças também se será baseado em empréstimos ou subsídios para os que precisarem.

"Se não enfrentarmos o desafio, seremos julgados negativamente pela história", acrescentou Conte.

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 56447757)) REUTERS JCG AC