Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.575,47
    +348,47 (+0,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    41.674,30
    -738,20 (-1,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    45,52
    -0,19 (-0,42%)
     
  • OURO

    1.783,10
    -22,40 (-1,24%)
     
  • BTC-USD

    18.073,72
    +305,66 (+1,72%)
     
  • CMC Crypto 200

    333,27
    -4,23 (-1,25%)
     
  • S&P500

    3.638,35
    +8,70 (+0,24%)
     
  • DOW JONES

    29.910,37
    +37,87 (+0,13%)
     
  • FTSE

    6.367,58
    +4,65 (+0,07%)
     
  • HANG SENG

    26.894,68
    +75,28 (+0,28%)
     
  • NIKKEI

    26.644,71
    +107,41 (+0,40%)
     
  • NASDAQ

    12.273,25
    +121,00 (+1,00%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3922
    +0,0523 (+0,82%)
     

Irã registra recorde de casos de coronavírus em mais de três semanas

·1 minuto de leitura

As autoridades anunciaram, neste domingo (2), que registraram 2.685 casos de coronavírus em 24 horas, um recorde em quase um mês no Irã, que enfrenta um novo surto da COVID-19 desde o final de junho.

"Infelizmente, perdemos 208 de nossos queridos compatriotas afetados pelo vírus" nas últimas 24 horas, disse a porta-voz do Ministério da Saúde, Sima Sadat Lari, em coletiva de imprensa.

Este número aumenta o saldo de vítimas no Irã para 17.190.

A República Islâmica enfrenta desde o final de junho um aumento de mortes diárias pelo vírus, o que obrigou o governo a decretar o uso obrigatório de máscara em locais fechados.

Os 2.685 novos casos registrados levam o número total de pacientes para 309.437.