Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.767,45
    -497,51 (-0,38%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.129,88
    -185,81 (-0,37%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,08
    +0,02 (+0,03%)
     
  • OURO

    1.779,40
    +2,00 (+0,11%)
     
  • BTC-USD

    32.293,00
    +607,86 (+1,92%)
     
  • CMC Crypto 200

    767,68
    -26,65 (-3,36%)
     
  • S&P500

    4.246,44
    +21,65 (+0,51%)
     
  • DOW JONES

    33.945,58
    +68,61 (+0,20%)
     
  • FTSE

    7.090,01
    +27,72 (+0,39%)
     
  • HANG SENG

    28.309,76
    -179,24 (-0,63%)
     
  • NIKKEI

    28.884,13
    +873,20 (+3,12%)
     
  • NASDAQ

    14.277,50
    +19,25 (+0,14%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9198
    0,0000 (0,00%)
     

iPhone ajuda Foxconn a obter lucros recordes com previsão de mais crescimento

·2 minuto de leitura

Responsável por fabricar dispositivos que vão do iPhone ao PlayStation 5, a Foxconn está tendo lucros e receitas recordes em um período no qual a indústria dos eletrônicos tem que lidar com restrições no fornecimento de componentes. Somente no último trimestre fiscal (entre janeiro e março de 2021) ela reportou um lucro líquido equivalente a US$ 1 bilhão (R$ 5,27 bilhões), superando as expectativas de analistas de mercado.

Mesmo sendo forçada a reduzir drasticamente suas operações na China, atingidas com força pelo aumento de casos da COVID-19, a empresa teve um crescimento de 31% em relação ao mesmo período de 2020. Entre os elementos que ajudaram a empresa ter o maior abril de sua história (com crescimento 13,44% em suas vendas em relação ao mês anterior) está a grande procura pelo console da Sony e pela demanda forte gerada pelo iPhone 12.

Apesar de prever que seus resultados não devem crescer no mesmo ritmo a partir do segundo trimestre — com uma queda de 10% em produtos enviados graças à baixa oferta mundial de chips —, a companhia acredita que continuará crescendo. À Reuters, o presidente Lin Youn-way afirmou que a demanda por smartphones continua forte e que espera um aumento em seus negócios de dispositivos inteligentes e componentes, embora preveja uma queda na demanda por soluções de nuvem e rede, bem como por unidades de computação.

Além da parceria com a Apple

Lançado oficialmente em outubro de 2020, o iPhone 12 trouxe excelentes resultados para a Apple, que em abril deste ano dominou 60% das vendas de smartphones nos Estados Unidos. Além de estrearem a nova cor roxa, o dispositivo chama atenção pela adoção de telas OLED em todos os seus modelos, bem como pelo desempenho elevado do chip A14 Bionic.

Principal fornecedora e montadora de dispositivos Apple do mundo, a Foxconn tem buscado diversificar seus negócios e se tornar atraente para mais parceiros. Recentemente, a companhia revelou que tem planos de lançar seu próprio veículo elétrico ainda em 2021, que pode servir como base para a fabricação de carros para outras montadoras.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos