Mercado fechará em 5 h 24 min
  • BOVESPA

    113.807,32
    -370,23 (-0,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    55.164,01
    +292,65 (+0,53%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,96
    +0,95 (+1,17%)
     
  • OURO

    1.932,70
    +2,70 (+0,14%)
     
  • BTC-USD

    22.985,39
    -33,60 (-0,15%)
     
  • CMC Crypto 200

    520,58
    -6,61 (-1,25%)
     
  • S&P500

    4.060,43
    +44,21 (+1,10%)
     
  • DOW JONES

    33.949,41
    +205,57 (+0,61%)
     
  • FTSE

    7.762,12
    +1,01 (+0,01%)
     
  • HANG SENG

    22.688,90
    +122,12 (+0,54%)
     
  • NIKKEI

    27.382,56
    +19,81 (+0,07%)
     
  • NASDAQ

    12.043,00
    -63,75 (-0,53%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5041
    -0,0156 (-0,28%)
     

iPhone 15 terá inédito sensor da Sony com captação de luz turbinada

Fontes da agência de notícias Nikkei Asia indicam que o iPhone 15 utilizará um inédito sensor de câmera da Sony com tecnologia super avançada de captação de luz. Detalhes técnicos do componente não foram revelados, mas o relato sugere que a próxima geração do celular premium da Apple terá capacidade para dobrar o chamado sinal de saturação por pixel, registrando muito mais luz e oferecendo maior controle em cenários desafiadores.

Segundo as informações, a Sony seria a fornecedora de ao menos um dos sensores de câmera do próximo iPhone, consolidando a liderança da gigante japonesa no segmento. O sensor em questão embarcaria tecnologias inéditas, com destaque para a separação dos transistores (responsáveis pelo processamento) e dos fotodiodos (que captam a luz que entra na câmera) em camadas diferentes. Com essa abordagem, o sensor de última geração da Sony multiplicaria significativamente a contagem de fotodiodos.

O sensor de última geração da Sony a ser utilizado no iPhone 15 seria capaz de turbinar o HDR e resolver o estouro de pontos muito luminosos presente nos celulares da Apple (Imagem: Reprodução/Apple)
O sensor de última geração da Sony a ser utilizado no iPhone 15 seria capaz de turbinar o HDR e resolver o estouro de pontos muito luminosos presente nos celulares da Apple (Imagem: Reprodução/Apple)

Esse aumento exponencial resultaria em quase o dobro do nível de sinal de saturação por pixel, que de maneira bastante simplificada, significa um enorme crescimento na capacidade de captação de luz e de controlar melhor as diferenças de exposição em fotos mais desafiadoras. Um exemplo dado é o de fotografar uma pessoa contra uma forte fonte de luz — esse novo sensor conseguiria registrar o rosto da pessoa fotografada e a fonte de luz sem dificuldades.

Isso não apenas daria uma grande vantagem frente a concorrentes, que tem focado em buscar mais resolução ou sensores maiores (ambos também capazes de aprimorar a captação de luz, vale lembrar), como ainda poderia resolver uma das principais críticas feitas às câmeras dos iPhones: o estouro de áreas extremamente luminosas. As informações não discutem aspectos como a resolução, mas a expectativa é que o componente mantenha os 48 MP vistos no iPhone 14 Pro e iPhone 14 Pro Max, considerando o histórico da Apple.

iPhone 15 pode trazer zoom aprimorado

Apesar de ainda faltar mais de 10 meses para o anúncio do iPhone 15 — caso a Apple mantenha a estratégia de lançar uma nova geração em setembro —, o aparelho já começou a protagonizar um elevado número de rumores. Além de poder contar com o retorno de um corpo curvado, similar ao do iPhone 5C, mas composto por titânio, e até receber um modelo Ultra com tecnologias de ponta, o próximo flagship da Maçã seria o primeiro da marca a embarcar uma lente telefoto periscópio.

Rumores indicam que a Apple pode se render às lentes telefoto periscópio no iPhone 15, para melhorar a qualidade de imagem com zoom acima de 5x (Imagem: Reprodução/Oppo)
Rumores indicam que a Apple pode se render às lentes telefoto periscópio no iPhone 15, para melhorar a qualidade de imagem com zoom acima de 5x (Imagem: Reprodução/Oppo)

Complementando o sensor de última geração da Sony citado pelo relato de hoje, a telefoto periscópio do iPhone 15 chegaria para se somar às lentes já usadas pela Apple atualmente, melhorando a qualidade de imagem em fotos com zoom de mais de 5x. Como é padrão nesse tipo de configuração, um sistema óptico "dobrado" seria adotado, em que um prisma redireciona a luz para a lateral permitindo o aumento da distância focal. Detalhes sobre a capacidade de magnificação dessa lente (5x, 10x) seguem desconhecidos.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: