Mercado fechado

Ipea projeta avanço menor para IPCA em 2019

Bruno Villas Bôas

Instituto vê inflação em 3,4% neste ano, em vez de 3,55% estimados anteriormente para o período Com o desempenho favorável da inflação nos últimos meses, o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) divulgou nesta quinta-feira que cortou para 3,4% sua projeção de alta do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em 2019, ante 3,55% previstos para o período em setembro.

Em relatório assinado pela pesquisadora Maria Andréia Parente Lameiras, o Ipea analisou que o resultado recente da inflação foi beneficiado pela melhora no comportamento dos preços dos alimentos, da energia elétrica e dos combustíveis. Isso teria gerado melhora nas expectativas de inflação e alívio para as famílias de renda mais baixa.

Marcello Casal Jr. / Agência Brasil

Para o próximo ano, o Ipea prevê inflação pelo IPCA em 3,7%. Segundo Maria Andréia, a aceleração é explicada pela maior ritmo da atividade econômica, o que deve permitir aumento do emprego e do consumo. Para ela, os alimentos também devem contribuir menos para o comportamento da inflação.

“Mesmo assim é um patamar confortável de preços no próximo ano. Mesmo com a recuperação do mercado de trabalho, ainda há muito desemprego. Também existe bastante capacidade ociosa na economia”, disse a pesquisadora, lembrando que a meta de inflação perseguida pelo Banco Central em 2020 será de 4%.