Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.183,95
    -355,84 (-0,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.377,47
    +695,28 (+1,52%)
     
  • PETROLEO CRU

    61,20
    +1,45 (+2,43%)
     
  • OURO

    1.712,80
    -20,80 (-1,20%)
     
  • BTC-USD

    51.004,11
    +3.584,18 (+7,56%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.019,87
    +31,78 (+3,22%)
     
  • S&P500

    3.819,72
    -50,57 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    31.270,09
    -121,43 (-0,39%)
     
  • FTSE

    6.675,47
    +61,72 (+0,93%)
     
  • HANG SENG

    29.880,42
    +784,56 (+2,70%)
     
  • NIKKEI

    29.559,10
    +150,93 (+0,51%)
     
  • NASDAQ

    12.676,25
    -379,00 (-2,90%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7744
    -0,0877 (-1,28%)
     

IPC-Fipe acelera alta a 0,86% em janeiro com alimentos e saúde

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO (Reuters) - O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) de São Paulo acelerou a alta a 0,86% em janeiro depois de subir 0,79% no mês anterior, com os preços de saúde e alimentação em destaque, segundo dados divulgados nesta quarta-feira pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

O maior impacto no mês de janeiro foi exercido pela alta de 1,50% do grupo Alimentação, embora tenha desacelerado de 2,08% em dezembro.

Já a maior variação foi registrada por Saúde, cujos preços saltaram 2,12% em janeiro de 0,33% em dezembro.

Na outra ponta, os custos de Despesas Pessoais recuaram 1,12% no primeiro mês do ano.

O IPC-Fipe mede as variações quadrissemanais dos preços às famílias paulistanas com renda mensal entre 1 e 10 salários mínimos.

(Por Camila Moreira)