Mercado fechará em 2 h 27 min
  • BOVESPA

    95.167,66
    -201,10 (-0,21%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    36.895,67
    -498,04 (-1,33%)
     
  • PETROLEO CRU

    35,78
    -1,61 (-4,31%)
     
  • OURO

    1.870,30
    -8,90 (-0,47%)
     
  • BTC-USD

    13.546,99
    +391,62 (+2,98%)
     
  • CMC Crypto 200

    266,47
    +23,79 (+9,80%)
     
  • S&P500

    3.298,52
    +27,49 (+0,84%)
     
  • DOW JONES

    26.592,88
    +72,93 (+0,28%)
     
  • FTSE

    5.585,61
    +2,81 (+0,05%)
     
  • HANG SENG

    24.586,60
    -122,20 (-0,49%)
     
  • NIKKEI

    23.331,94
    -86,57 (-0,37%)
     
  • NASDAQ

    11.307,75
    +175,00 (+1,57%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7293
    -0,0051 (-0,08%)
     

IPC-S acelera alta a 0,84% em setembro com pressão de alimentos e passagens aéreas, diz FGV

·1 minuto de leitura
Sacos de arroz em supermercado do Rio de Janeiro
Sacos de arroz em supermercado do Rio de Janeiro

SÃO PAULO (Reuters) - O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) acelerou a alta a 0,82% em setembro, ante 0,53% em agosto, refletindo ganhos acentuados nos setores de alimentação e recreação, de acordo com dados da Fundação Getulio Vargas (FGV) divulgados nesta quinta-feira.

Em setembro, o grupo Educação, Leitura e Recreação registrou salto de 3,19%, após ganho de apenas 0,05 em agosto, impulsionado principalmente por uma alta de 39,62% nos preços das passagens aéreas.

O grupo Alimentação também se destacou na leitura de setembro, registrando avanço de 1,81%, acelerando a alta ante a taxa de 0,81% apresentada no mês anterior. O destaque do mês foi o comportamento do arroz e feijão -- dois alimentos básicos do cotidiano brasileiro --, que registraram alta de 10,92%.

Com esse resultado o IPC-S acumula alta de 2,42% no ano e 3,62% nos últimos 12 meses.

(Por Luana Maria Benedito)