Mercado fechará em 1 h 33 min
  • BOVESPA

    111.271,55
    -802,00 (-0,72%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.485,18
    -533,73 (-0,97%)
     
  • PETROLEO CRU

    76,72
    +0,31 (+0,41%)
     
  • OURO

    1.932,10
    -10,70 (-0,55%)
     
  • BTC-USD

    23.831,52
    +789,78 (+3,43%)
     
  • CMC Crypto 200

    544,55
    -0,76 (-0,14%)
     
  • S&P500

    4.178,01
    +58,80 (+1,43%)
     
  • DOW JONES

    33.948,84
    -144,12 (-0,42%)
     
  • FTSE

    7.820,16
    +59,05 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    21.958,36
    -113,82 (-0,52%)
     
  • NIKKEI

    27.402,05
    +55,17 (+0,20%)
     
  • NASDAQ

    12.801,75
    +387,50 (+3,12%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4644
    -0,0900 (-1,62%)
     

iOS 16.2 bugou a reprodução contínua do Apple Music no iPhone e no iPad

O iOS 16.2 quebrou a reprodução contínua do Apple Music no iPhone e no iPad, reportou o site 9to5Mac. Usuários relatam que, desde a instalação do update, a função que permite reproduzir faixas uma atrás da outra sem intervalos não funciona como deveria.

O recurso é bastante comum em aplicativos de streaming de música e, apesar de não impactar diretamente em playlists personalizadas, pode interferir na experiência de certos álbuns cuja sequência é pensada para a reprodução sem intervalos.

A atualização iOS 16.2 fez a reprodução contínua parar de funcionar (Imagem: Victor Carvalho/Canaltech)
A atualização iOS 16.2 fez a reprodução contínua parar de funcionar (Imagem: Victor Carvalho/Canaltech)

Sem a função, a troca de faixas é perceptível e chega a durar alguns segundos. Nos vários relatos acerca do problema, usuários se queixam de “um momento de silêncio” na hora que uma música é sucedida pela outra, mesmo quando a mídia é construída para ser reproduzida em sequência.

“Não acredito que estamos terminando 2022 e a Apple ainda não forneceu uma reprodução robusta e contínua para o Apple Music”, reclamou um usuário. “Uma atualização do iOS corrige um bug e, em seguida, outra vem e o quebra novamente. Isso contribui para uma experiência de audição tão irritante e desagradável”, acrescentou.

Vale ressaltar que a reprodução contínua é diferente da transição gradual de faixas. Esse último faz com que uma faixa diminua de volume gradativamente de uma música para outra e não é suportado pelo Apple Music no iPhone.

Além de afetar o iPhone e o iPad, o bug também parece estar presente na reprodução de faixas no HomePod. Segundo uma queixa destacada pelo site 9to5Mac, o intervalo entre músicas chega a durar “um ou dois segundos”.

Problema antigo

Essa não é a primeira vez que a reprodução contínua do Apple Music quebra no iPhone: no ano passado, o iOS 15.4 introduziu problema semelhante para os assinantes do serviço de streaming da Apple.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: