Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.672,26
    +591,91 (+0,60%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.741,50
    +1.083,62 (+2,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    107,06
    +2,79 (+2,68%)
     
  • OURO

    1.828,10
    -1,70 (-0,09%)
     
  • BTC-USD

    21.509,86
    +257,02 (+1,21%)
     
  • CMC Crypto 200

    462,12
    +8,22 (+1,81%)
     
  • S&P500

    3.911,74
    +116,01 (+3,06%)
     
  • DOW JONES

    31.500,68
    +823,32 (+2,68%)
     
  • FTSE

    7.208,81
    +188,36 (+2,68%)
     
  • HANG SENG

    21.719,06
    +445,19 (+2,09%)
     
  • NIKKEI

    26.491,97
    +320,72 (+1,23%)
     
  • NASDAQ

    12.132,75
    +395,25 (+3,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5524
    +0,0407 (+0,74%)
     

Investimento em franquias com crowdfunding vira alternativa para driblar a crise

·2 min de leitura

Com a instabilidade econômica no país, aplicações financeiras de renda fixa já não trazem mais bons retornos aos investidores. Por isso, muitos têm procurado alternativas que não sofram com a volatilidade da bolsa de valores e sejam uma opção segura e rentável.

O crowdfunding é uma delas. Esse tipo de investimento — quando um grupo de investidores se une para colocar em prática projetos de seu interesse — pode ser negociado em plataformas autorizadas pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Imagem: Reprodução/Envato/Prostock-studio
Imagem: Reprodução/Envato/Prostock-studio

A Immo Invest é uma das fintechs que faz essa intermediação: ela conecta os investidores que buscam por projetos com alta rentabilidade e os empreendedores que precisam de capital. Seu diferencial é ser uma plataforma eletrônica de investimento participativo voltada exclusivamente ao mercado de franquias.

No segundo trimestre de 2021, o segmento de franquias teve recuperação rápida — voltou aos níveis de antes da pandemia — e faturamento de R$ 41,14 bilhões. Isso representa um crescimento de 48,4% em comparação com o mesmo período de 2020, segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF).

Diego Scalvi, CEO da Immo Invest, diz que o crowdfunding ajuda o empreendedor a dar o próximo passo. “Esse tipo de investimento beneficia ambas as partes envolvidas, pois possibilita a aplicação do capital em algo seguro e com bom potencial de crescimento, como as franquias.”

Riscos menores

O executivo destaca que todo investimento tem riscos, mas que no crowdfunding é possível minimizá-los. “O primeiro passo é analisar o material apresentado na plataforma, que tem informações essenciais para o investidor: quem são os empreendedores, quais as projeções de faturamento e rentabilidade e que garantias são oferecidas”, aponta. “Além desses dados, a Immo Invest tem um canal de atendimento para tirar dúvidas.”

Imagem: Reprodução/Envato/twenty20photos
Imagem: Reprodução/Envato/twenty20photos

Muitas das franquias que buscam investidores ainda não estão consolidadas, mas apresentam potencial de crescimento. É como uma compra de ações, mas o risco não são as oscilações do mercado, e sim o desafio de tornar a empresa lucrativa e competitiva para dar retorno aos investidores.

Para Scalvi, investir em formatos alternativos como o crowdfunding garante oportunidades para serviços e produtos inovadores. “Como consequência positiva, isso ajuda a aumentar o patrimônio financeiro do investidor.”

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos