Mercado abrirá em 6 h 57 min
  • BOVESPA

    114.177,55
    -92,52 (-0,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    55.164,01
    +292,65 (+0,53%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,35
    +0,34 (+0,42%)
     
  • OURO

    1.921,50
    -8,50 (-0,44%)
     
  • BTC-USD

    22.818,30
    -364,15 (-1,57%)
     
  • CMC Crypto 200

    516,66
    -10,52 (-2,00%)
     
  • S&P500

    4.060,43
    +44,21 (+1,10%)
     
  • DOW JONES

    33.949,41
    +205,57 (+0,61%)
     
  • FTSE

    7.761,11
    +16,24 (+0,21%)
     
  • HANG SENG

    22.555,27
    -11,51 (-0,05%)
     
  • NIKKEI

    27.380,89
    +18,14 (+0,07%)
     
  • NASDAQ

    12.036,00
    -70,75 (-0,58%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5086
    -0,0111 (-0,20%)
     

Inverno das criptomoedas durará 'mais um ano', diz empresa ao fazer demissão em massa

Urso polar e Bitcoin, simbolizando o inverno cripto.
Urso polar e Bitcoin, simbolizando o inverno cripto.

A Octopus Network – uma plataforma de criptomoedas focada em Web3 – anunciou a demissão de quase metade de sua força de trabalho para garantir sua sobrevivência em meio ao atual inverno das criptomoedas, que deve durar pelo menos mais um ano, de acordo com o fundador da empresa, Louis Liu.

A plataforma demitirá 40% dos seus funcionários, como parte de seu processo de reestruturação. Os salários dos funcionários não demitidos serão reduzidos em 20% e os incentivos das equipes serão descontinuados permanentemente.

Em uma carta  aberta, o fundador da Octopus anunciou que irá reformular a equipe para lidar com as condições desfavoráveis ​​do mercado. Ele também argumentou que o atual mercado de baixa é um pouco diferente dos anteriores:

“O inverno atual é o terceiro inverno que experimentei, sendo os dois primeiros 2014–2015 e 2018–2019 – e vejo que este inverno é muito diferente dos outros.”

Inverno das criptomoedas durará pelo menos 'mais um ano'

O empresário disse acreditar que as criptomoedas estarão entre as indústrias mais afetadas da crise do mercado, onde os altos riscos e a maior volatilidade continuarão reinando. Ele também disse que a maioria das startups da Web3 não suportará os tempos difíceis, prevendo que a tendência negativa durará pelo menos mais um ano.

É provável que várias coisas aconteçam nos próximos anos, sendo uma delas que o macrociclo substituirá o ciclo de halving do Bitcoin como a força dominante do mercado de criptomoedas, disse Liu.

Dito isto, as previsões são difíceis, "mas a maioria das pessoas concorda: o mercado de capitais voltará a assumir riscos em ritmo lento, o que significa que o inverno cripto durará pelo menos mais um ano, talvez muito mais. A maioria das startups da Web3 não sobreviverá", escreveu Liu.

Ele também aconselhou "pessoas comuns" que querem lançar startups de Web3 a não fazer isso, a menos que tenham o apoio de grandes investidores institucionais.

Liu acrescentou que a próxima atualização sobre a empresa será realizada em 8 de janeiro, durante a qual ele responderá a perguntas, incluindo aquelas sobre a Octopus 2.0.

Um ano de queda

Várias empresas de criptomoedas fizeram demissões em massa em 2022, todas motivadas pela desaceleração do mercado e pela diminuição do interesse em criptomoedas.

A maior corretora dos EUA, Coinbase, demitiu quase 20% de seus funcionários em junho, a Blockchain.com demitiu 30%, enquanto a OpenSea mandou embora 20% de seus funcionários.

Outras empresas, incluindo a plataforma argentina de criptomoedas Lemon Cash e a plataforma australiana Swyftx, foram ainda mais impactadas, demitindo 38% e 40% de seus funcionários.

Para sobreviver ao mercado em baixa, a exchange de criptomoedas Bybit anunciou uma segunda onda de demissões em dezembro.

Ao longo do ano, pelo menos 9.500 pessoas perderam seus empregos no setor de criptomoedas só nos EUA. É possível que a Octopus seja a última do ano a realizar cortes.

Fonte: Livecoins

Veja mais notícias sobre Bitcoin. Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.