Mercado fechará em 4 h 35 min
  • BOVESPA

    111.040,45
    -883,48 (-0,79%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.234,37
    -223,23 (-0,43%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,98
    +2,00 (+2,50%)
     
  • OURO

    1.804,70
    -4,90 (-0,27%)
     
  • BTC-USD

    17.229,95
    +283,85 (+1,68%)
     
  • CMC Crypto 200

    408,20
    +6,77 (+1,69%)
     
  • S&P500

    4.071,70
    -4,87 (-0,12%)
     
  • DOW JONES

    34.429,88
    +34,88 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.581,53
    +25,30 (+0,33%)
     
  • HANG SENG

    19.518,29
    +842,94 (+4,51%)
     
  • NIKKEI

    27.820,40
    +42,50 (+0,15%)
     
  • NASDAQ

    11.935,00
    -75,25 (-0,63%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5280
    +0,0340 (+0,62%)
     

Intel NUC 13 Extreme é lançado com CPUs de desktop da 13ª geração

A Intel anunciou de surpresa nesta terça-feira (8) o novo NUC 13 Extreme "Raptor Canyon", mini PC oficial da gigante dedicada ao público gamer entusiasta e profissionais. A novidade chega apenas 8 meses após seu antecessor, o NUC 12 Extreme "Serpent Canyon", mas traz mudanças importantes nas configurações e na construção, com destaque para o foco na 13ª geração de processadores Raptor Lake para desktop e compatibilidade para placas de vídeo dedicadas ainda maiores.

O NUC 13 Extreme deixa o formato compacto do antecessor de lado para praticamente se tornar um desktop tradicional, oficialmente produzido pela Intel — o novo gabinete é visivelmente maior, contando com dimensões de 337 x 318 x 129 mm. Há uma vantagem clara nisso: com mais espaço, há mais margem para melhor refrigeração, e consequentemente processadores e placas de vídeo mais poderosas são suportadas pelo lançamento.

O Elemento de Computação do Intel NUC 13 Extreme Raptor Canyon está muito maior, com melhor refrigeração, suportando agora CPUs da série K com consumo de 125 W (Imagem: Intel)
O Elemento de Computação do Intel NUC 13 Extreme Raptor Canyon está muito maior, com melhor refrigeração, suportando agora CPUs da série K com consumo de 125 W (Imagem: Intel)

No coração do aparelho está o NUC 13 Extreme Compute Element, com o mesmo soquete LGA1700 de desktops, o que permite ao usuário realizar upgrades (ou mesmo downgrades) livremente. Se no NUC 12 Extreme a compatibilidade estava limitada à linha de 65 W de consumo, a novidade comporta agora os modelos desbloqueados para overclocking da série K, com consumo de 125 W.

Isso se deve ao enorme heatsink instalado no novo elemento de computação, adotado graças ao espaço maior do gabinete. Assim sendo, os compradores podem configurar a máquina com CPUs até o Intel Core i9 13900K, de 24 núcleos e 32 threads (8 P-Cores de alto desempenho + 16 E-Cores de alta eficiência) rodando a até 5,8 GHz.

O gabinete da nova máquina da Intel também cresceu significativamente, e suporta placas de vídeo com até 3 slots de espessura e consumo de 450 W (Imagem: Intel)
O gabinete da nova máquina da Intel também cresceu significativamente, e suporta placas de vídeo com até 3 slots de espessura e consumo de 450 W (Imagem: Intel)

O aumento de volume permite ainda a instalação de placas de vídeo maiores, com 3 slots PCIe de espessura e consumo de 450 W — infelizmente, para alguns, isso descarta modelos monstruosos como a Nvidia GeForce RTX 4090, mas já indica um avanço.

A adoção da 13ª geração Raptor Lake foi benéfica também às memórias, armazenamento e conectividade: o NUC 13 Extreme suporta até 64 GB de RAM DDR5 a 5.600 MT/s (a geração anterior era limitada a DDR4-3200), até três SSD M.2 NVMe PCIe 4.0, e embarca portas LAN Ethernet de 10 Gb e de 2,5 Gb, duas portas Thunderbolt 4, seis portas USB 3.2 Gen 2, além de Bluetooth 5.2 e Wi-Fi 6E com placa de rede Intel Killer AX1690i.

Preço e disponibilidade

Como de costume, o Intel NUC 13 Extreme "Raptor Canyon" será vendido em kits completos com memória, armazenamento e sistema operacionais, com preço a partir de US$ 1.179 (~R$ 6.075), ou somente com o Elemento de Computação, em que o usuário poderá adquirir as peças separadamente. Neste caso, os preços partem de US$ 760 (~R$ 3.915). A disponibilidade começa na China ainda em 2022, com mais regiões recebendo a máquina a partir do início de 2023.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: