Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.750,22
    +1.458,62 (+1,30%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    43.646,03
    -288,18 (-0,66%)
     
  • PETROLEO CRU

    46,09
    +0,45 (+0,99%)
     
  • OURO

    1.837,70
    +0,90 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    18.951,53
    +57,01 (+0,30%)
     
  • CMC Crypto 200

    365,19
    -14,05 (-3,71%)
     
  • S&P500

    3.699,12
    +32,40 (+0,88%)
     
  • DOW JONES

    30.218,26
    +248,74 (+0,83%)
     
  • FTSE

    6.550,23
    +59,96 (+0,92%)
     
  • HANG SENG

    26.835,92
    +107,42 (+0,40%)
     
  • NIKKEI

    26.751,24
    -58,13 (-0,22%)
     
  • NASDAQ

    12.509,25
    +47,00 (+0,38%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2497
    +0,0137 (+0,22%)
     

Intel Lunar Lake: 14ª geração de processadores já pode estar sendo trabalhada

Wagner Wakka
·2 minuto de leitura

Já é possível ter uma ideia do que esperar da 14ª geração de processadores da Intel para desktops, principalmente que ela deve ser chamada de Lunar Lake. Um perfil do Reddit conhecido por acertar tudo sobre a Navi 21, da AMD, deu detalhes sobre as próximas gerações de CPU e GPU DG3, que já pode estar em desenvolvimento.

Para posicionar o leitor no espaço-tempo, vamos a uma descrição atual das gerações da Intel para desktops:

  • 2020: atual Comet Lake - 10ª geração;

  • 2021: Rocket Lake - 11ª geração / Alder Lake - 12ª geração

  • 2022 ou 2023: Meteor Lake - 13ª geração

  • Após 2023: Lunar Lake - 14ª geração

Ainda há pouco a se saber sobre o Lunar Lake, além do codinome. A expectativa é de que ela trabalhe com memórias DDR5 e PCIe 5.0. Contudo, ainda é cedo para afirmar algo.

Além disso, o usuário do Reddit falou sobre as placas de vídeo da empresa. A Intel anunciou no final de outubro o DG1, novo processador gráfico usado em suas GPUs Iris Xe Max. Esta versão deve ser um modelo de entrada no setor de games.

A empresa também já estaria trabalhando no DG2, que deve se posicionar no mercado como um modelo mais potente, provavelmente já pensando em um público gamer e data centers. A previsão de lançamento dessa placa seria 2021.

Por fim, o DG3 seria a terceira geração da tecnologia pensando em placas gráficas topo de linha, chamadas de Jupiter Sound. Também ainda há poucas informações sobre a tecnologia.

Vale lembrar que os dados vieram do stblr, perfil não-oficial, mas que já acertou informações antecipadas no passado. Por esse motivo, é possível dar credibilidade ao supostos vazamentos.

Até o momento, o que se tem confirmado é o lançamento da 11ª geração de processadores Rocket Lake, que a Intel marcou para o início de 2021.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: