Mercado abrirá em 7 h 46 min
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,33 (-0,68%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,59 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    74,99
    +1,01 (+1,37%)
     
  • OURO

    1.759,00
    +7,30 (+0,42%)
     
  • BTC-USD

    44.168,38
    +1.879,80 (+4,45%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.102,13
    -0,93 (-0,08%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,20 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    -26,87 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    24.259,75
    +67,59 (+0,28%)
     
  • NIKKEI

    30.228,30
    -20,51 (-0,07%)
     
  • NASDAQ

    15.371,75
    +53,00 (+0,35%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2570
    +0,0014 (+0,02%)
     

Intel Core i9 12900K surge em nova listagem com clocks de até 5,1 GHz

·3 minuto de leitura

Próximo grande lançamento da Intel aguardado para o final de 2021, a família Alder Lake de 12ª geração será a primeira com design híbrido a chegar aos desktops, prometendo ganhos de desempenho elevados o suficiente para colocar a linha à frente dos rivais Ryzen 5000. Para isso, a empresa empregará uma nova microarquitetura, fabricação em 10 nm e uma mescla de núcleos de alto desempenho (P-Cores) com núcleos de baixo consumo (E-Cores).

Ao que se sabe, a família será liderada pelo Core i9 12900K, que combina 8 P-Cores e 8 E-Cores — a solução já foi vazada por diversas vezes apresentando resultados animadores. Agora, em um novo vazamento, o componente volta a mostrar suas especificações, além de uma evolução substancial em comparação ao antecessor.

Core i9 12900K mostra clocks elevados em nova listagem

O Core i9 12900K foi encontrado pelo renomado leaker TUM_APISAK em uma nova listagem do benchmark SiSoft Sandra, que avalia múltiplos aspectos da CPU além do desempenho. O registro reforça alguns aspectos já conhecidos do processador, como a contagem de núcleos, o consumo estimado de 125 W, o suporte a memórias DDR5 e a quantidade de cache, enquanto revela algumas novidades.

Ao que parece, o chip deve atingir clocks de 5,1 GHz, número bastante próximo ao entregue pelo Core i9 11900K, o que é um bom sinal — unindo as altas frequências com os ganhos de instruções por clock (IPC) de 19% prometidos pela Intel, podemos esperar por um aumento geral de performance muito promissor. O teste apresenta ainda melhoras notáveis em outras áreas tão importantes quanto a velocidade de operação.

O registro confirma algumas das especificações do Core i9 12900K, como clocks e cache, enquanto indica uma evolução na comunicação entre núcleos do componente (Imagem: Reprodução/WCCFTech)
O registro confirma algumas das especificações do Core i9 12900K, como clocks e cache, enquanto indica uma evolução na comunicação entre núcleos do componente (Imagem: Reprodução/WCCFTech)

Segundo o resultado, o Core i9 12900K apresenta uma largura de banda inter-thread média de 112,3 GB/s. De maneira bastante resumida, trata-se da quantidade de dados transferida entre os núcleos e threads do processador por segundo. A novidade mostra ganhos substanciais frente à geração anterior, que chegava a apenas 80,6 GB/s, um aumento de cerca de 30%.

Isso não é suficiente para superar a eficiência entregue pelos rivais Ryzen 9 5900X e Ryzen 9 5950X, que apresentam 133,71 GB/s e 158,55 GB/s, respectivamente. Ainda assim, considerando os avanços em outras áreas, como o próprio IPC, os resultados reforçam o potencial da 12ª geração Alder Lake de colocar a Intel em uma posição competitiva novamente.

Chip pode entregar desempenho similar ao Ryzen 9 5950X

Inúmeros vazamentos indicam que o Core i9 12900K se estabelecerá em um novo patamar de desempenho no mercado, praticamente dobrando o nível de performance do Core i9 11900K e até mesmo superando em cerca de 10% o Ryzen 9 5950X, posicionado acima dos rivais da Intel considerando não apenas a nomenclatura, como também a contagem de núcleos de alto desempenho.

Testes vazados anteriormente já indicavam ganhos impressionantes de desempenho do novo processador em comparação ao antecessor (Imagem: Reprodução/CPU Monkey)
Testes vazados anteriormente já indicavam ganhos impressionantes de desempenho do novo processador em comparação ao antecessor (Imagem: Reprodução/CPU Monkey)

Essa tendência deve ser vista em toda a linha, com modelos como o Core i7 12700K oferecendo desempenho até 60% superior ao entregue pelo Ryzen 7 5800X. Seja como for, não deve demorar muito agora para descobrirmos se a abordagem híbrida trará realmente resultados positivos para a Intel, já que o lançamento da família Alder Lake é aguardado para o final de outubro.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos