Mercado abrirá em 5 h 25 min
  • BOVESPA

    106.419,53
    -2.295,02 (-2,11%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.206,59
    +372,79 (+0,72%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,70
    -0,95 (-1,12%)
     
  • OURO

    1.789,30
    -4,10 (-0,23%)
     
  • BTC-USD

    60.949,56
    -1.593,10 (-2,55%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.482,97
    -22,18 (-1,47%)
     
  • S&P500

    4.574,79
    +8,31 (+0,18%)
     
  • DOW JONES

    35.756,88
    +15,73 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.277,62
    +54,80 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    25.575,70
    -462,57 (-1,78%)
     
  • NIKKEI

    29.098,24
    -7,77 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    15.572,75
    +27,75 (+0,18%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4593
    +0,0052 (+0,08%)
     

Intel Core i7 1270P surge em primeiro teste equipado em novo Galaxy Book

·3 minuto de leitura

Com lançamento previsto para o final de outubro, a 12ª geração de processadores Alder Lake da Intel tem chamado atenção não apenas pela estreia de uma abordagem híbrida, como também pelos múltiplos vazamentos que reforçam que a aposta da gigante de Santa Clara no uso de diferentes núcleos deve entregar excelentes resultados.

Até então, os diversos testes exibiram apenas chips dedicados a desktops, ainda que a linha Alder Lake também seja destinada a notebooks. Essa situação muda agora — o primeiro benchmark de uma solução dedicada a dispositivos portáteis acaba de ser encontrada pelo site WCCFTech, detalhando o que podemos esperar dos laptops da próxima geração.

Novo Core i7 1270P vaza em primeiro teste

O ponto mais importante do registro encontrado é o reforço de que a Intel deve reorganizar toda a linha de processadores para notebooks — o chip em questão é identificado como Intel Core i7 1270P, em vez de 12800H como deveria ser, caso o esquema de gerações passadas fosse seguido. A solução traz 12 núcleos e 16 threads, o que segundo vazamentos deve ser organizado em 4 P-Cores de alto desempenho com Hyper-Threading e 8 E-Cores de baixo consumo.

Caption
Caption

Há ainda 18 MB de cache L3 e clock base de 2,5 GHz, mas clock boost de 9 MHz, o que sugere que o registro ainda foi realizado em uma unidade de testes do processador. Assim sendo, também não é possível ter uma noção dos ganhos de desempenho em relação à família Alder Lake, já que os números não devem representar a performance final do chip.

Dito isso, o resultado é útil para detalhar os planos da Intel, bem como confirmar informações sobre a próxima geração de notebooks da Samsung — o aparelho testado, de número de modelo NP930QED, conta com 16 GB de RAM, possivelmente no protocolo DDR5 ou LPDDR5, e já roda Windows 11 Pro.

Considerando a similaridade dos números de modelo, é provável que o laptop vazado seja um sucessor ou uma nova versão para o Galaxy Book Pro 360 (Imagem: Divulgação/Samsung)
Considerando a similaridade dos números de modelo, é provável que o laptop vazado seja um sucessor ou uma nova versão para o Galaxy Book Pro 360 (Imagem: Divulgação/Samsung)

Considerando as informações apontadas pelo teste, é provável que o aparelho deva atuar como um sucessor ou mesmo uma versão atualizada do atual Galaxy Book Pro 360, laptop premium 2 em 1 da gigante sul-coreana, cujo número de modelo é NP930QDB.

Linha Alder Lake-P deve assumir posto das famílias H e U

Múltiplos rumores já sugeriam que a linha de processadores mobile da Intel seria repaginada, abandonando as conhecidas nomenclaturas adotadas até o momento. As famílias H, de alto desempenho para notebooks gamer e entusiastas, e U (ou UP3), para ultrabooks, podem acabar mescladas em uma nova linha, a Alder Lake-P.

Substitutas das famílias H, U (ou UP3) e Y (ou UP4), as linhas Alder Lake-P e Alder Lake-M devem começar a ser fabricadas no final de 2021 (Imagem: Reprodução/WCCFTech)
Substitutas das famílias H, U (ou UP3) e Y (ou UP4), as linhas Alder Lake-P e Alder Lake-M devem começar a ser fabricadas no final de 2021 (Imagem: Reprodução/WCCFTech)

Com consumo entre 12 W e 45 W, além da arquitetura híbrida, a linha Alder Lake-P poderia abrir novas possibilidades para notebooks, aumentando o desempenho de máquinas mais finas e turbinando a performance de aparelhos entusiastas sem abrir mão da eficiência, caso as promessas da Intel sejam cumpridas.

Ainda de acordo com os rumores, a antiga linha Y (ou UP4), dedicada a laptops de baixíssimo consumo, seria substituída pela família Alder Lake-M. Além das máquinas super compactas, a novidade passaria a atender também tablets, que precisam adotar refrigeração passiva, sem o uso de ventoinhas, para manter a portabilidade.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos