Mercado abrirá em 3 h 39 min

INSS tem 1,884 milhão de processos aguardando resposta, diz Rolim

Lu Aiko Otta

Instituto irá contratar mais de 8.000 temporários para tentar reduzir a fila de processos e diminuir o tempo de espera O estoque de benefícios pendentes de resposta no INSS chegou a 1,884 milhão no dia 27 de fevereiro, segundo informou há pouco seu presidente, Leonardo Rolim. Aqueles com tempo de espera superior a 45 dias, considerados atraso, somavam 1,251 milhão.

No mês, houve redução de 137.894 processos, o maior volume registrado desde fevereiro de 2019.

“Não estamos confortáveis”, garantiu. “Queremos continuar diminuindo.”

Atualmente, o tempo médio de espera é de 80 dias. A meta é chegar a 20 ou 25 dias, níveis observados em 2012. Essa meta poderá ser alcançada em outubro, mantido o atual ritmo, informou Rolim. A meta é liquidar o estoque em no máximo seis meses, disse.

O presidente do INSS, Leonardo Rolim, trabalha com meta acabar com o estoque de pedidos atrasados em seis meses

Roberto Jayme/Valor

Para lidar com o acumulo de pedidos, haverá contratação temporária de servidores da carreira do INSS para análise de processos de concessão de benefícios e para médicos peritos.

Não haverá limite de vagas, porque a remuneração será por produtividade. Serão pagos R$ 57,50 por processo analisado e, para médicos peritos, R$ 61,72 por atendimento.

Também serão contratados servidores inativos civis e militares para atividades gerais. Entre militares, a patente mais elevada permitida será de 2º sargento. No total, serão oferecidas 8.220 vagas, com remuneração de R$ 2.100 a R$ 4.200,00.

O gasto estimado com as contratações para o INSS, se todas as vagas abertas forem preenchidas, será de R$ 160 milhões nos nove meses restantes em 2020. O cálculo não inclui a parcela remunerada por produtividade.

A contratação temporária foi regulada com a edição, hoje, da Medida Provisória (MP) nº 922.

O governo espera publicar o edital do processo seletivo até o dia 20 de março. Os resultados deverão ser divulgados em 2 de abril. As contratações ocorrerão de 13 a 17 de abril, pelo cronograma divulgado há pouco.