Mercado fechado

INSS: motorista desempregado espera por aposentadoria desde 2017

·1 min de leitura
Antônio Aparecido Araújo, de 63 anos, afirma que o INSS não está levando em conta período de cinco anos trabalhados. Foto: Getty Images
Antônio Aparecido Araújo, de 63 anos, afirma que o INSS não está levando em conta período de cinco anos trabalhados. Foto: Getty Images
  • Segurado espera por pedido de aposentadoria desde 2017;

  • De acordo com Antônio Aparecido Araújo, o INSS indeferiu o pedido;

  • Segundo o motorista desempregado, o órgão não reconhece período de cinco anos trabalhados.

Antônio Aparecido Araújo tem 63 anos e é morador da Cidade Ademar, distrito do município de São Paulo. Motorista atualmente desempregado, o segurado está esperando a aposentadoria desde 2017.

O senhor afirma ter realizado os 35 anos de contribuição necessários, mas diz que o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), que indeferiu seu pedido, não está levando em conta alguns períodos de recolhimento.

Leia também:

Segundo o motorista, o órgão não reconhece o tempo de cinco anos que Antônio trabalhou em uma transportadora, que descontava o valor de contribuição do INSS do salário sem passar ao instituto.

Após sair do trabalho, Antônio processou a empresa e ganhou. Contudo, a autarquia não está reconhecendo esse período.

O segurado ainda afirma que, na época, o INSS recebeu cerca de R$ 5 mil da empresa, referentes ao tempo não pago de contribuição do funcionário.

Além disso, Araújo diz que, por ter trabalhado como motorista de carro-forte, tem direito a dois anos de periculosidade. Ainda assim, após apresentar o Perfil Profissiográfico Previdenciário (PPP), a autarquia não contabilizou o tempo de função exercido.

Há também o período de contribuição referente à época em que o motorista foi militar nas Forças Armadas.

Sem rendimentos, e sem trabalhar desde 2016, Araújo vive com a ajuda de outros. Segundo o segurado, todas as documentações estão inclusas no pedido, que o INSS não reconhece.

As informações são do Agora São Paulo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos