Mercado abrirá em 5 h 24 min
  • BOVESPA

    98.672,26
    +591,96 (+0,60%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.741,50
    +1.083,60 (+2,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    108,06
    +0,44 (+0,41%)
     
  • OURO

    1.841,10
    +10,80 (+0,59%)
     
  • BTC-USD

    21.355,75
    -80,96 (-0,38%)
     
  • CMC Crypto 200

    466,09
    +12,19 (+2,69%)
     
  • S&P500

    3.911,74
    +116,01 (+3,06%)
     
  • DOW JONES

    31.500,68
    +823,28 (+2,68%)
     
  • FTSE

    7.249,22
    +40,41 (+0,56%)
     
  • HANG SENG

    22.241,53
    +522,47 (+2,41%)
     
  • NIKKEI

    26.871,27
    +379,30 (+1,43%)
     
  • NASDAQ

    12.204,50
    +64,00 (+0,53%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5367
    -0,0157 (-0,28%)
     

INSS: confira quem recebe 2° parcela do 13° nesta quinta-feira

Brazilian money (Real/Reais)
É o terceiro ano seguido em que segurados recebem o valor antes das datas tradicionais (Getty Image)
  • INSS: beneficiários estão recebendo o dinheiro desde maio;

  • O calendário vai até o dia 7 de junho;

  • 60% dos aposentados e pensionistas ganham um salário mínimo.

Um novo grupo de aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) recebem nesta quinta-feira (2) a segunda parcela do 13º salário.

Beneficiários que recebem acima de um salário mínimo e têm o número de Identificação Social (NIS) com final 2 e 7 são os contemplados do dia. Quem recebe um salário mínimo e tem o NIS terminado em 7 também entra na leva.

O calendário de pagamentos segue até o dia 7 de junho. O INSS diz que mais de 31 milhões de segurados receberam a primeira parcela. Existem mais de 36 milhões de pessoas com direito a benefícios do instituto no país, sendo que 60% recebem um salário mínimo.

Esse já é o terceiro ano seguido em que segurados recebem o 13º antes das datas tradicionais, em agosto e dezembro. Apesar do valor corresponder a metade do benefício, a segunda parcela tem descontos do Imposto de Renda para os trabalhadores que têm que pagar o tributo.

No caso de quem recebe um salário mínimo, o piso nacional passou para R$ 1.212 desde 1º de janeiro. A legislação indica que pensão, aposentadorias, auxílio-doença e auxílio-reclusão não podem ser menores do que o salário mínimo.

Confira o calendário da da 2° parcela do 13º salário

Para quem recebe salário mínimo

  • Final do benefício 1 – 25/5

  • Final do benefício 2 – 26/5

  • Final do benefício 3 – 27/5

  • Final do benefício 4 – 30/5

  • Final do benefício 5 – 31/5

  • Final do benefício 6 – 1º/6

  • Final do benefício 7 – 2/6

  • Final do benefício 8 – 3/6

  • Final do benefício 9 – 6/6

  • Final do benefício 0 – 7/6

Para quem recebe acima do salário mínimo

  • Final do benefício 1 e 6 – 1º/6

  • Final do benefício 2 e 7 – 2/6

  • Final do benefício 3 e 8 – 3/6

  • Final do benefício 4 e 9 – 6/6

  • Final do benefício 5 e 0 – 7/6

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos