Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.800,79
    -3.874,54 (-3,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.868,32
    -766,28 (-1,48%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,71
    +0,09 (+0,12%)
     
  • OURO

    1.817,00
    -18,80 (-1,02%)
     
  • BTC-USD

    40.236,33
    +487,44 (+1,23%)
     
  • CMC Crypto 200

    953,18
    +3,28 (+0,34%)
     
  • S&P500

    4.395,26
    -23,89 (-0,54%)
     
  • DOW JONES

    34.935,47
    -149,06 (-0,42%)
     
  • FTSE

    7.032,30
    -46,12 (-0,65%)
     
  • HANG SENG

    25.961,03
    -354,29 (-1,35%)
     
  • NIKKEI

    27.283,59
    -498,83 (-1,80%)
     
  • NASDAQ

    14.966,50
    -71,25 (-0,47%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1710
    +0,1305 (+2,16%)
     

Inquérito no STF das fake news apura repasses de R$ 1,3 milhão do PTB para Roberto Jefferson

·1 minuto de leitura

RIO — Alvo de investigações no Supremo Tribunal Federal (STF) para apurar possível uso do fundo partidário para produção e disseminação de fake news nas redes sociais, o presidente de honra do PTB, o ex-deputado federal Roberto Jefferson, recebeu repasses do próprio partido no valor de quase R$ 1,3 milhão desde 2017. O político é investigado no âmbito do inquérito das fake news, sob relatoria do ministro Alexandre de Moraes, que já solicitou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) o envio de dados da prestação de contas da legenda dos últimos cinco anos.

Em um levantamento do GLOBO com base em dados disponibilizados pelo TSE, é possível identificar nas despesas cadastradas pelo partido que Jefferson recebeu em média R$ 300 mil por ano para gastos descritos como “serviços técnico-profissionais”. Os valores foram repassados ao político por meio do Recibo de Pagamento Autônomo (RPA), documento legal de pagamento do trabalho autônomo de pessoas físicas, mas não há detalhes sobre o destino das quantias, nem sobre qual serviço foi realizado.

Saiba mais detalhes dos repasses ao ex-deputado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos