Mercado abrirá em 5 h 17 min
  • BOVESPA

    106.296,18
    -1.438,82 (-1,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.889,66
    -130,44 (-0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,45
    +0,69 (+0,82%)
     
  • OURO

    1.798,20
    +1,90 (+0,11%)
     
  • BTC-USD

    61.996,93
    +1.008,62 (+1,65%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,34
    -49,70 (-3,31%)
     
  • S&P500

    4.544,90
    -4,88 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    35.677,02
    +73,92 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.204,55
    +14,25 (+0,20%)
     
  • HANG SENG

    26.162,79
    +35,86 (+0,14%)
     
  • NIKKEI

    28.600,41
    -204,44 (-0,71%)
     
  • NASDAQ

    15.375,25
    +34,25 (+0,22%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5808
    0,0000 (0,00%)
     

Inflação argentina tem alta expressiva apesar de esforços para conter preços

·1 minuto de leitura
Cliente caminha em frente a um verdureiro numa feira de rua, em Buenos Aires, Argentina. 15 de junho de 2021. REUTERS/Agustin Marcarian

Por Walter Bianchi e Jorge Iorio

BUENOS AIRES (Reuters) - A taxa de inflação na Argentina voltou a disparar em setembro, para 3,5%, nível acima do esperado e que veio após meses de quedas, aumentando a pressão sobre o governo peronista que busca manter os preços baixos antes de importantes eleições de meio de mandato em novembro.

A alta mensal dos preços ao consumidor ficou acima da previsão mediana de 2,9% de analistas e da taxa de 2,5% registrada no mês anterior. A inflação atingiu 52,5% em 12 meses e chegou a 37% nos primeiros nove meses do ano.

A Argentina tem lutado há anos contra a inflação galopante, que corrói a poupança, a renda e o crescimento econômico. A inflação também está se elevando globalmente.

"Isso inverte a tendência de queda dos últimos meses que se baseava na âncora cambial e no controle de preços, mas que não mudou as coisas", disse Isaias Marini, economista da Econviews. "Esperamos que a inflação acelere nos próximos meses, encerrando o ano em mais de 51%."

O governo tomou medidas para controlar os preços. No início do ano, impôs um limite estrito às exportações de carne bovina para reduzir o custo doméstico da carne e, nesta semana, fechou um acordo para congelar o preço de alguns alimentos e produtos domésticos por 90 dias.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos