Mercado fechará em 1 h 12 min
  • BOVESPA

    129.903,56
    +462,53 (+0,36%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.208,21
    -78,25 (-0,15%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,95
    +0,04 (+0,06%)
     
  • OURO

    1.866,40
    -13,20 (-0,70%)
     
  • BTC-USD

    39.915,60
    +2.518,23 (+6,73%)
     
  • CMC Crypto 200

    996,16
    +27,32 (+2,82%)
     
  • S&P500

    4.238,22
    -9,22 (-0,22%)
     
  • DOW JONES

    34.258,02
    -221,58 (-0,64%)
     
  • FTSE

    7.146,68
    +12,62 (+0,18%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,23 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    29.161,80
    +213,07 (+0,74%)
     
  • NASDAQ

    14.062,75
    +68,50 (+0,49%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1439
    -0,0487 (-0,79%)
     

Inep diz estar "engajado" para que Enem seja realizado em 2021

·2 minuto de leitura

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou, em nota, que pretende realizar as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 este ano. A autarquia afirmou que tem orçamento suficiente para isso e que está concluindo o processo de planejamento e elaboração do cronograma do exame. "A data vai ser verificada de acordo com o andamento da pandemia", disse o ministro da Educação Milton Ribeiro, em entrevista a jornalistas.

Questionado se há a possibilidade do Enem 2021 ser aplicado em 2022, o Inep diz que está "engajado para que as provas sejam realizadas ainda neste ano". Ribeiro enfatizou que, assim como houve um esforço para que houvesse a prova do Enem 2020, adiada para 2021, "o de 2021 teremos sim, com toda certeza", enfatizou.

A nota acrescenta, no entanto: "não há, ainda, confirmação sobre a data de realização das etapas, com exceção do período para solicitação de isenção e justificativa de ausência". Esta fase está prevista em edital publicado separadamente, de acordo com a autarquia, para facilitar a compreensão das regras específicas de gratuidade e evitar que haja problemas na homologação da inscrição dos interessados em realizar as provas. O prazo é de 17 a 28 de maio.

O Inep diz ainda que "tentar antecipar a divulgação da data de realização do exame com base em documentos preparatórios é desinformar a população". Segundo o Inep, todas as informações sobre o exame serão publicadas nos editais, assim que houver as definições necessárias.

Por conta da pandemia, o Enem 2020 foi adiado para 2021. O exame, realizado em janeiro e fevereiro deste ano, registrou as maiores taxas de abstenção. Para a edição de 2021, a autarquia afirma que busca "excelência no processo de planejamento, com o intuito de atender a todos os requisitos sanitários e garantir uma aplicação segura a todos os envolvidos, desde sua elaboração".

Realizado anualmente, o Enem é o maior exame para ingresso no ensino superior do país, contando com milhões de inscrições em todo o território nacional. As notas do Enem podem ser usadas para participar de programas como o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), o Programa Universidade para Todos (ProUni) e o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Matéria alterada às 17h15 para acréscimo de informação.