Sem indicadores, NY deve abrir em baixa

As bolsas norte-americanas devem iniciar a semana em queda. Em um dia sem anúncio de indicadores nos Estados Unidos, os investidores aproveitam para realizar lucros, depois da agitada semana passada, com o acordo para evitar o abismo fiscal e o Federal Reserve sinalizando que pode mudar sua política monetária e parar de comprar ativos. No pré-mercado, os índices futuros operam em queda. Às 12h15 (horário de Brasília), o índice Dow Jones futuro recuava 0,13%, o Nasdaq tinha queda de 0,16% e o S&P 500 cedia 0,19%.

Para os analistas do banco canadense RBC Capital Markets, a lua de mel do mercado com o acordo sobre o abismo fiscal acabou. O economista Tom Porcelli avalia que as discussões políticas em Washington para elevar o teto da dívida vão passar a influenciar o rumo dos negócios de Wall Street assim como fez o abismo fiscal.

O fato de os republicanos terem aceito fazer um acordo para evitar o abismo fiscal sem uma contrapartida de corte de gastos públicos, destaca Porcelli, deve fazer com que o partido brigue por isso no Congresso nas negociações para elevar o teto da dívida. "O acordo sobre o abismo fiscal não resolve as questão de longo prazo da dívida norte-americana", destaca o economista em um relatório enviado a clientes. Para ele, o risco de rebaixamento do rating soberano dos EUA por mais uma agência de risco é alto.

No mundo corporativo, as empresas de tecnologia devem concentrar a atenção dos investidores hoje e ao longo desta semana. A razão é que começa a maior feira anual do setor, em Las Vegas, onde empresas vão falar de tendências do setor e mostrar novidades. A feira começa amanhã, mas nesta segunda-feira ocorre uma série de apresentações das empresas para jornalistas e as notícias devem começar a circular. Vários executivos-chefes de grandes empresas estão com eventos marcados em Las Vegas ao longo desta semana.

As fabricantes de microprocessadores Intel e AMD devem apresentar novos modelos de chip. A operadora de telefonia AT&T deve falar de novos modelos de telefones inteligentes que deve entrar em seu catálogo de vendas este ano. A Qualcomm deve anunciar nova linha de modems e processadores para celulares. No pré-mercado, entre os papéis do setor, às 12h15 Intel tinha alta de 0,52% e AMD ganhava 1,93%.

Ainda no setor de tecnologia, a Apple divulgou nesta segunda-feira as vendas de sua loja virtual, que já registra mais de 40 bilhões de downloads. Só em 2012 foram 20 bilhões. No horário citado acima, a ação da empresa recuava 1,05%.

Os papéis do Bank of America eram destaque de alta no pré-mercado e subiam 0,74% às 12h15. O banco anunciou uma acordo de US$ 10,35 bilhões com a agência hipotecária Fannie Mae,relacionado à recompra de hipotecas que foram originadas antes de dezembro de 2008.

Carregando...