Mercado fechado
  • BOVESPA

    100.774,57
    -1.140,88 (-1,12%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.007,16
    +308,44 (+0,62%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,62
    -0,56 (-0,85%)
     
  • OURO

    1.784,20
    +7,70 (+0,43%)
     
  • BTC-USD

    56.908,91
    -295,53 (-0,52%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.444,66
    -24,42 (-1,66%)
     
  • S&P500

    4.513,04
    -53,96 (-1,18%)
     
  • DOW JONES

    34.022,04
    -461,68 (-1,34%)
     
  • FTSE

    7.168,68
    +109,23 (+1,55%)
     
  • HANG SENG

    23.658,92
    +183,66 (+0,78%)
     
  • NIKKEI

    27.935,62
    +113,86 (+0,41%)
     
  • NASDAQ

    15.856,00
    -294,50 (-1,82%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4470
    +0,0770 (+1,21%)
     

Início de construção e concessão de alvarás nos EUA caem em setembro

·1 min de leitura
Construção de nova moradia em San Marcos, na Califórnia

Por Lucia Mutikani

WASHINGTON (Reuters) - A construção de novas moradias nos Estados Unidos caiu inesperadamente em setembro, em meio à persistente escassez de insumos e mão de obra que está prejudicando o mercado imobiliário e a atividade econômica em geral.

O início de construção de moradias recuou 1,6%, para uma taxa anual ajustada sazonalmente de 1,555 milhão de unidades, no mês passado, informou o Departamento de Comércio nesta terça-feira. Os dados de agosto foram revisados para baixo, para 1,580 milhão de unidades, ante 1,615 milhão relatadas anteriormente.

Economistas consultados pela Reuters projetavam aumento para 1,620 milhão de unidades.

As concessões de alvarás para futuras construções de casas caíram 7,7%, para 1,589 milhão de unidades, no mês passado.

Embora os preços da madeira tenham caído nos últimos meses, esses valores mais baixos ainda não chegaram às construtoras. Materiais de construção, como janelas e caixas de disjuntores, estão escassos. A cadeia de abastecimento foi prejudicada pela piora da dinâmica do mercado de trabalho devido à pandemia de Covid-19, que elevou os preços em todos os segmentos da economia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos