Mercado fechado
  • BOVESPA

    119.718,79
    -917,60 (-0,76%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.099,09
    -396,32 (-0,87%)
     
  • PETROLEO CRU

    53,28
    +0,30 (+0,57%)
     
  • OURO

    1.868,20
    +28,00 (+1,52%)
     
  • BTC-USD

    35.154,99
    +755,02 (+2,19%)
     
  • CMC Crypto 200

    697,60
    -3,01 (-0,43%)
     
  • S&P500

    3.855,53
    +56,62 (+1,49%)
     
  • DOW JONES

    31.178,89
    +248,37 (+0,80%)
     
  • FTSE

    6.740,39
    +27,44 (+0,41%)
     
  • HANG SENG

    29.962,47
    +320,19 (+1,08%)
     
  • NIKKEI

    28.523,26
    -110,20 (-0,38%)
     
  • NASDAQ

    13.310,75
    +325,25 (+2,50%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4283
    -0,0703 (-1,08%)
     

Inédito Xiaomi Mi 11 assume topo do ranking do teste de desempenho Geekbench

Rubens Eishima
·2 minuto de leitura

A Xiaomi publicou em seu perfil oficial no Weibo as pontuações de seu ainda inédito Mi 11 no Geekbench. O aplicativo avalia o desempenho do celular em processamento, com um ou múltiplos núcleos. Além de deixar o atual Mi 10 Pro comendo poeira, o smartphone chinês promete liderar o ranking do teste nesta virada de ano.

O Mi 11 Pro registrou 1.135 e 3.818 pontos, respectivamente nos testes de um e vários núcleos de CPU. A fabricante comparou as pontuações do novo chip Snapdragon 888 com a dos rivais HiSilicon Kirin 9000 — usado no Huawei Mate 40 — e Snapdragon 865 (a bordo da linha Mi 10), mostrando resultados superiores a ambos.

Snapdragon 888 pontuou melhor que o antecessor 865 e o rival Kirin 9000 (Imagem: reprodução/Xiaomi)
Snapdragon 888 pontuou melhor que o antecessor 865 e o rival Kirin 9000 (Imagem: reprodução/Xiaomi)

Outra publicação da empresa confirmou a compatibilidade com redes Wi-Fi 6, com conexões de até 3,5 Gbps, usando a frequência de 160 MHz e o padrão de transmissão 4K QAM. A inclusão do recurso era praticamente dada como certa, já que está incluído no processador Snapdragon 888.

Duelo acirrado em 2021

A pontuação do Xiaomi Mi 11 divulgada hoje pela fabricante já tinha sido adiantada ontem pelo Canaltech, na comparação com os números obtidos pelo processador Samsung Exynos 2100. Identificado com o código de produto M2011K2C, o modelo testado possuía 12 GB de memória RAM.

Já o chip sul-coreano que deve equipar a linha Galaxy S21 vendida no Brasil marcou 1.089 e 3.963 pontos nos dois testes, indicando um empate técnico entre os processadores.

Enquanto o Snapdragon 888 deve estrear na próxima semana com o Xiaomi Mi 11, o lançamento do Exynos 2100 deve acontecer na segunda semana de janeiro, pouco antes do evento de anúncio da linha Galaxy S21.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: