Mercado fechado

Imóveis compactos foram os mais vendidos em julho, diz Secovi-SP

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Imóveis de 30 m² e 45 m² lideraram entre os lançamentos e as vendas na cidade de São Paulo em julho. Segundo Pesquisa Secovi-SP do Mercado Imobiliário, divulgada nesta sexta (2), quase metade das residências lançadas no mês passado (2.145 unidades) e das vendidas (2.998 unidades) foram de metragem compacta.

Destaque para os imóveis com menos de 30 m² e os de dois dormitórios, registrando o maior percentual de unidades lançadas vendidas.

Por faixa de preço, os imóveis entre R$ 240 mil a R$ 500 mil foram mais da metade dos lançamentos e das vendas.

Realizada pelo departamento de economia e estatística do Secovi-SP, o levantamento registrou aumento de 10,8% no número de imóveis residenciais novos vendidos na capital em comparação ao registrado no mesmo mês de 2021. Já em relação a junho de 2022, quando 6.288 unidades foram comercializadas, houve queda de 5,3%.

O valor de vendas atingiu R$ 2,77 bilhões no mês passado. O resultado é 1,6% maior que o de julho de 2021 (R$ 2,73 bilhões). No acumulado de 12 meses, o valor chegou a R$ 35,2 bilhões, abaixo dos R$ 36,4 bilhões registrados no período anterior.

Em relação ao número de unidades lançadas, o volume foi 35,1% menor do que o apurado em julho de 2021, segundo o Secovi-SP. Cerca de 40% dos lançamentos se enquadram como econômicos. Mais de 24.500 unidades deste tipo de imóvel estavam disponíveis para a venda.

Nos outros mercados, a pesquisa registrou oferta final de 39.636 unidades.