Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.296,18
    -1.438,83 (-1,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.889,66
    -130,39 (-0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,98
    +1,48 (+1,79%)
     
  • OURO

    1.793,10
    +11,20 (+0,63%)
     
  • BTC-USD

    61.199,73
    +26,35 (+0,04%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,34
    -49,69 (-3,31%)
     
  • S&P500

    4.544,90
    -4,88 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    35.677,02
    +73,94 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.204,55
    +14,25 (+0,20%)
     
  • HANG SENG

    26.126,93
    +109,40 (+0,42%)
     
  • NIKKEI

    28.804,85
    +96,27 (+0,34%)
     
  • NASDAQ

    15.324,00
    -154,75 (-1,00%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5808
    -0,0002 (-0,00%)
     

iFood permitirá que você "atue" como entregador no game GTA V

·5 minuto de leitura

O iFood anunciou nesta quarta-feira (22) a sua estreia no mundo dos games. A foodtech marca presença com a construção de experiência inédita no Cidade Alta — principal servidor de Grand Theft Auto (GTA) V da América Latina. Em uma cidade fictícia, o gamer cria e vive o personagem que quiser. A ação acontecerá durante os próximos seis meses, com outros eventos programados.

Uma vez no servidor, o jogador poderá viver a experiência de ser entregador iFood no game, em que cada entrega é uma missão que rende dinheiro (virtual — para ser usado dentro do jogo), reputação e até cupons de desconto. Assim como na vida real, o jogador poderá escolher o veículo (eBike elétrica, moto ou carro) e a modalidade de preferência como, por exemplo, a possibilidade de receber o delivery do Avalanches, famoso restaurante virtual, ou do Altamart, o mais novo mercado para compras de diversos itens da cidade.

Fenômeno entre streamers, o Cidade Alta tem como diferencial a sua dinâmica: nesse servidor, tudo é criado pela comunidade e ocorre como na vida real, com o jogador tendo que lidar com questões de trabalho, família e relacionamentos. Essa modalidade de GTA V é diferente do tradicional, em que o jogador tem que cometer delitos para ter sucesso.

Usuários poderão jogar como entregadores do iFood no servidor Cidade Alta de GTA V (Divulgação / iFood)
Usuários poderão jogar como entregadores do iFood no servidor Cidade Alta de GTA V (Divulgação / iFood)


O desenvolvimento de todo esse metaverso ficou a cargo da Outplay, proprietária do servidor. “Produzimos o universo iFood do zero para que a experiência dos jogadores e do público possa ser diferente de tudo o que já foi feito dentro do mundo dos games", explica Paulo Benetti, CEO da Outplay. "E é isso que o Cidade Alta busca, equalizar as experiências da vida real e aproximar as pessoas à experiências inéditas nos jogos e nos conteúdos stream”.

A iniciativa do iFood tem ainda a participação das agências SUNO e DRUID — especializadas em ações Business 2 Gamer ou B2G. Para a parte de mobilidade, o projeto conta com o apoio da Tembici, startup de mobilidade que realiza o aluguel de bicicletas. Para o lançamento da ação, a foodtech convidou streamers famosos para viver a experiência da marca no Cidade Alta. Ela acontece ainda nesta quarta-feira, a partir das 20h. A programação completa pode ser visualizada no Instagram e no Twitter da empresa.

E para explicar melhor como a ação da foodtech funcionará dentro do Cidade Alta, o Canaltech conversou com Pedro Tozzini, Especialista em Branding Ativação do iFood. Confira abaixo como foi o papo:


Canaltech - Ao entrar no servidor do Cidade Alta, como o jogador assume o papel de um entregador do iFood para cumprir as missões?

Pedro Tozzini: Existem duas formas de fazer entregas do iFood: ficando ativo no app iFood para Entregadores, disponível a partir de hoje nos smartphones de todos jogadores do servidor, ou procurando os Pontos de Apoio ao Entregador e que estão espalhados pelo mapa.

CT - Que tipos de desafios o entregador terá pela frente para conseguir seus objetivos no jogo?

P.T.: As experiências e os desafios são muito similares ao dia a dia de um entregador da vida real. Respeitar as leis de trânsito e utilizar equipamentos de segurança são princípios básicos.

O bom atendimento na hora da entrega também é um diferencial, afinal, assim como fora do jogo, o entregador é avaliado pelo usuário. No jogo, uma boa entrega ajuda na reputação e na conquista de recompensas.

Aqui também trazemos um ponto importante: nosso metaverso constrói mais que uma boa experiência no game. A ideia é fortalecer a onda de crescimento de empatia que foi criada com a categoria, principalmente após o cenário pandêmico que vivemos. Ficou claro para todos que o entregador é muito importante e viver o seu dia a dia, por mais que seja no game, transforma a relação.

CT - Quanto tempo foi necessário para implementar, bem como customizar os personagens com a marca iFood?

P.T.: Foram três meses entre tirar a ideia do papel e implementar. O nosso grande desafio foi construir o metaverso e levar a experiência ao máximo do que é o iFood em uma nova cidade e do que seria ele em um jogo RP. Foi um projeto feito a várias mãos e junto com a comunidade gamer.

No total, foram mais de 150 pessoas envolvidas ao longo do processo para garantir que a experiência seja legal para quem está jogando, mas também para quem está assistindo.

Usuários poderão acessar cupons de desconto dentro do Cidade Alta para usar na vida real (Divulgação / iFood)
Usuários poderão acessar cupons de desconto dentro do Cidade Alta para usar na vida real (Divulgação / iFood)

CT - Além do papel de entregador, a marca iFood aparecerá também em outros momentos do jogo?

P.T.: Estamos levando todo o ecossistema do iFood para o jogo, então consumidores, entregadores, restaurantes e mercados do Cidade Alta agora podem contar conosco. Todo jogador também pode interagir com a jornada no app, seja por meio do pedido via delivery do Avalanches ou também descobrir um novo jeito de fazer mercado, e fazer suas compras no Altamart.

CT - Os cupons de desconto conquistados no jogo poderão ser usados na vida real, correto? Como o usuário acessará esse benefício?

P.T.: A gente sabe que a galera ama nossos cupons de desconto e ama pedir um iFood para jogar ou assistir uma stream. Por isso espalhamos os cupons pelo jogo de diferentes formas e que poderão ser usados na vida real. Para quem está jogando, basta procurar um dos vários outdoors espalhados pela cidade e escanear o código; já para quem está assistindo, os cupons podem ser vistos na tela fixada acima do mapa enquanto o jogador faz entregas.

CT - O iFood tem planos para outras ações no mundo dos games no futuro?

P.T.: O mundo dos games é gigante e diverso, e acreditamos muito no poder que ele tem para contar histórias e estabelecer conexões. O iFood é uma marca icônica e amada por essa galera, então, claro, nos próximos meses teremos muitas novidades para surpreender esse público.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos