IBP defende estímulo ao mercado de gás natural

A diretora do Instituto Brasileiro de Petróleo (IBP), Cynthia Silveira, afirmou que o aumento da oferta de gás natural é fundamental para o desenvolvimento do mercado consumidor. Ao mesmo tempo, o gás associado a óleo disponível no pré-sal dependerá de um mercado firme para que possa ser explorado comercialmente, disse.

Cynthia defende uma política que aproveite a demanda potencial de consumidores com flexibilidade na troca de insumo energético. Por exemplo, ela cita a conversão da frota de ônibus a gás natural. Outras indústrias são as de cerâmicas vermelhas, siderurgia e a cimenteira.

A proposta é compartilhada pelo presidente do conselho de Energia da Firjan, Armando Coelho. "É preciso um projeto de governo para que o gás natural venha a ser uma alternativa", disse, citando a política do governo no passado para o setor de etanol. Os comentários foram feitos no seminário Gás Natural, promovido pela secretaria de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços.

Cynthia defende mais leilões de blocos, incluindo terrestres, de forma a trazer mais produtores ao mercado e elevar a oferta. A executiva disse que há dúvidas sobre o gás do pré-sal, já que boa parte terá de ser reinjetada. O gás do pré-sal é associado ao petróleo. Dependendo da concentração de CO2, é preciso reinjetá-lo por questões ambientais. Parte também será reinjetada para auxiliar na extração de óleo. Outra dúvida está relacionada à necessidade de infraestrutura para transportar o gás do pré-sal, já que os campos ficam a até 300 quilômetros da costa.

Coelho disse que as projeções são de que o gás natural vá ultrapassar o petróleo na matriz mundial energética a partir de 2040/2050. O especialista diz que "não faz sentido" importar produtos petroquímicos e que este mercado deve ser preservado por questões estratégicas. O setor petroquímico, que usa gás como insumo, é um dos que mais sofrem com os preços do GN do Brasil, cerca de quatro vezes mais altos do que nos Estados Unidos.

cotações recentes

 
Cotações recentes
Símbolo Preço Variação % Var 
Seus tickers vistos mais recentemente aparecerão aqui automaticamente se você digitou um ticker no campo "Inserir símbolo/empresa" na parte inferior deste módulo.
É necessário permitir os cookies do seu navegador para ver as cotações mais recentes.
 
Entre para ver as cotações nos seus portfólios.

Resumo do Mercado

  • Moedas
    Moedas
    NomePreçoVariação% Variação
    3,2645+0,0348+1,08%
    USDBRL=X
    3,6526+0,0084+0,23%
    EURBRL=X
    0,8930+0,0071+0,80%
    USDEUR=X
  • Commodities
    Commodities
    NomePreçoVariação% Variação

Destaques do Mercado

  • Líderes em Volume
    Líderes em Volume
    NomePreçoVariação% Variação
    12,55+0,02+0,16%
    PETR4.SA
    3,58+0,22+6,55%
    USIM5.SA
    3,67+0,05+1,38%
    GOAU4.SA
    15,07-0,34-2,21%
    VALE5.SA
    8,58+0,08+0,94%
    ITSA4.SA
  • Altas %
    Altas %
    NomePreçoVariação% Variação
    1,67+0,37+28,46%
    PSVM11.SA
    37,50+7,50+25,00%
    CBEE3.SA
    5,00+0,94+23,15%
    ENGI3.SA
    3,59+0,59+19,67%
    OIBR3.SA
    2,37+0,27+12,86%
    OIBR4.SA
  • Baixas %
    Baixas %
    NomePreçoVariação% Variação
    33,11-6,76-16,96%
    BAZA3.SA
    2,20-0,21-8,71%
    MWET4.SA
    1,79-0,17-8,67%
    CTSA4.SA
    2,25-0,19-7,79%
    HAGA4.SA
    2,53-0,16-5,95%
    VIVR3.SA