Mercado fechado

Ibovespa supera 89 mil pontos com apetite a risco no exterior

Por Paula Arend Laier

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - A bolsa paulista mantinha o viés positivo nesta terça-feira, beneficiada pelo apetite a risco nos mercados globais, reflexo de apostas na retomada das economias bem como esperanças de avanços no tratamento e vacinas para o novo coronavírus.

Às 10:19, o Ibovespa subia 1,15 %, a 89.642,91 pontos.

Na visão do estrategista Dan Kawa, da TAG Investimentos, os ativos de risco estão seguindo uma dinâmica bastante positiva nos últimos dias, a despeito do aumento de alguns riscos no cenário, como a piora da relação entre EUA e China.

"Além de uma liquidez global colossal, a expectativa de retorno ao normal, a normalização de casos de contágio ao redor do mundo e a esperança de uma vacina estão sendo vetores essenciais de suporte ao mercado."

No exterior, o futuro do S&P 500 avançava, mesmo viés registrado nas bolsas na Europa. Entre as commodities, o petróleo subia antes de reunião da Opep+ sobre cortes de produção, enquanto minério de ferro manteve o rali na China.