Mercado abrirá em 4 h 2 min
  • BOVESPA

    121.801,21
    -1.775,35 (-1,44%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.195,43
    -438,48 (-0,85%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,17
    +0,02 (+0,03%)
     
  • OURO

    1.811,60
    -2,90 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    38.540,51
    +762,46 (+2,02%)
     
  • CMC Crypto 200

    952,73
    +25,96 (+2,80%)
     
  • S&P500

    4.402,66
    -20,49 (-0,46%)
     
  • DOW JONES

    34.792,67
    -323,73 (-0,92%)
     
  • FTSE

    7.126,17
    +2,31 (+0,03%)
     
  • HANG SENG

    26.204,69
    -221,86 (-0,84%)
     
  • NIKKEI

    27.728,12
    +144,04 (+0,52%)
     
  • NASDAQ

    15.092,50
    +19,00 (+0,13%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1463
    +0,0280 (+0,46%)
     

Ibovespa sofre realização de lucros e quebra sequência de altas

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa teve uma queda discreta nesta quarta-feira, reflexo de realização de lucros, quebrando uma sequência de seis pregões de alta, com Braskem entre as maiores quedas após forte prejuízo trimestral, enquanto Via Varejo avançou cerca de 5% antes do balanço.

Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa fechou em baixa de 0,25%, a 104.804,12 pontos, segundo dados preliminares, após acumular ganho de quase 12% nos últimos 6 pregões e flertar com níveis pré-pandemia. Na máxima, chegou a trabalhar no campo positivo, a 105.432,33 pontos.

O volume financeiro na sessão somava 30,5 bilhões de reais.

(Por Paula Arend Laier)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos