Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.927,79
    +1.397,79 (+1,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.744,92
    -185,48 (-0,34%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,27
    +0,45 (+0,54%)
     
  • OURO

    1.817,30
    +0,80 (+0,04%)
     
  • BTC-USD

    43.204,16
    -76,30 (-0,18%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.037,76
    +12,03 (+1,17%)
     
  • S&P500

    4.662,85
    +3,82 (+0,08%)
     
  • DOW JONES

    35.911,81
    -201,79 (-0,56%)
     
  • FTSE

    7.542,95
    -20,90 (-0,28%)
     
  • HANG SENG

    24.383,32
    -46,48 (-0,19%)
     
  • NIKKEI

    28.124,28
    -364,82 (-1,28%)
     
  • NASDAQ

    15.616,75
    +21,00 (+0,13%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3169
    -0,0159 (-0,25%)
     

Ibovespa sobe com exterior e de olho em PEC dos Precatórios

·3 min de leitura

Por Andre Romani

SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa avançava nesta quarta-feira, acompanhando a recuperação das bolsas na abertura em Nova York e dos preços do petróleo, enquanto no Brasil investidores aguardam votação da PEC dos Precatórios no plenário do Senado.

Na véspera, a agência de classificação de risco S&P Global manteve a nota de crédito soberano de longo prazo em moeda estrangeira do Brasil em BB-, com perspectiva estável.

Às 11:32, o Ibovespa subia 1,39%, a 103.336,28 pontos, após fechar no menor patamar do ano na terça-feira, quando quase rompeu os 100 mil pontos no intradiário. O volume financeiro era de 6,2 bilhões de reais. Vale e Petrobras eram as maiores influências para a alta do índice.

Mercados acionários globais se recuperam nesta quarta, após forte liquidação na véspera por temores com a alta da inflação nos EUA -- e seus efeitos sobre os estímulos do Fed -- e com a nova variante Ômicron do coronavírus.

Enquanto o mundo espera por novas informações sobre a variante e sua eficácia contra as vacinas, EUA e outros países endurecem controle de fronteiras. No Brasil, governo de São Paulo confirmou nesta manhã terceiro caso da Ômicron no país, de um passageiro vindo da Etiópia.

A criação de vagas de trabalho no setor privado dos EUA acima do esperado em novembro também ajudava as bolsas norte-americanas. Dado vem dois dias antes da divulgação de indicador-chave de emprego daquele país.

No Brasil, presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), chegou a ventilar a possibilidade de votação da PEC dos Precatórios em plenário na terça, mas a análise ficou mesmo para esta quarta-feira. A proposta é vista com muita atenção pelo mercado, já que abre espaço para colocar em prática o Auxílio Brasil em substituição ao Bolsa Família.

O receio dos investidores é que uma possível não aprovação do texto implique em planos alternativos pelo governo para bancar o programa em ano eleitoral, o que seria potencialmente mais danoso à situação fiscal.

No mais, B3 divulgou a primeira prévia da carteira teórica do Ibovespa para o primeiro quadrimestre de 2022, com inclusão de Positivo e Porto Seguro.

DESTAQUES

- VALE ON subia 2,1% e marcava a maior contribuição positiva para o índice, em mais uma sessão de boas notícias para o minério de ferro e commodities relacionadas ao setor. A mineradora apresentou nesta semana projeção de aumento na produção de minério de ferro para o ano que vem.

- PETROBRAS PN avançava 3% e ON subia 2,7%, na esteira da alta dos preços do petróleo, antes de encontros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e da Opep+, que agrupa a Opep com aliados, incluindo a Rússia. Papéis da estatal fecharam praticamente estáveis na véspera, mesmo com a derrocada da commodity no mercado internacional. Empresa apresentou na semana passada uma nova política de dividendos que agradou o mercado.

- ITAÚ UNIBANCO PN avançava 2,3%, diante de alta generalizada no setor financeiro. BRADESCO PN subia 2,6%, B3 ON tinha alta de 3,1% e BTG PACTUAL UNIT marcava +4%. BANCO INTER UNIT saltava 6,2%.

- JBS ON caía 1,9% e era a maior contribuição negativa para o índice, após avanço forte na véspera. BRF ON cedia 1,2% e MARFRIG ON recuava quase 2%. As três companhias estavam entre os piores desempenhos em percentual do Ibovespa na sessão.

- BRASKEM PN subia 7,4% e tinha a maior alta em percentual do índice. Notícias sobre a venda de participação na companhia por seus controladores Novonor e Petrobras vinham movimentando os papéis nas últimas sessões. Ação teve queda forte na véspera.

- POSITIVO ON avançava 3,1% e PORTO SEGURO ON subia 0,2%, após papéis serem incluídos na primeira prévia do Ibovespa para o período entre janeiro e abril de 2022. GETNET UNIT, que estreou na B3 em outubro após cisão do Santander Brasil, reverteu queda inicial e subia 0,3% mesmo após ser retirada da carteira teórica na prévia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos