Mercado fechará em 6 h 22 min
  • BOVESPA

    102.814,03
    +589,77 (+0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.796,30
    +303,78 (+0,61%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,47
    -1,48 (-2,12%)
     
  • OURO

    1.792,40
    +7,20 (+0,40%)
     
  • BTC-USD

    57.965,19
    +916,44 (+1,61%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.474,48
    +45,55 (+3,19%)
     
  • S&P500

    4.655,27
    +60,65 (+1,32%)
     
  • DOW JONES

    35.135,94
    +236,60 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.060,22
    -49,73 (-0,70%)
     
  • HANG SENG

    23.475,26
    -376,98 (-1,58%)
     
  • NIKKEI

    27.821,76
    -462,16 (-1,63%)
     
  • NASDAQ

    16.330,00
    -60,75 (-0,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3556
    +0,0264 (+0,42%)
     

Ibovespa fecha quase estável com Vale contrabalançando receios sobre PEC dos Precatórios

·3 min de leitura
Pessoa fotografa painel eletrõnico da B3, em São Paulo.

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa fechou quase estável nesta segunda-feira, tendo trocado de sinal algumas vezes durante o pregão, com preocupações relacionadas ao avanço da PEC dos Precatórios sendo contrabalançadas pela forte recuperação da Vale.

Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa teve variação negativa de 0,04%, a 104.781,13 pontos. O giro financeiro foi de 23,3 bilhões de reais.

Na sexta-feira, a ministra do STF Rosa Weber suspendeu a execução orçamentária das emendas de relator, instrumento de distribuição de recursos que conhecido como "orçamento secreto" e usado nas negociações da PEC dos Precatórios.

A decisão - que ainda será avaliada pelo plenário do Supremo Tribunal Federal - adicionou mais receios sobre uma segunda e necessária votação da matéria na Câmara dos Deputados, após aprovação apertada do texto-base em primeiro turno na Casa.

Mais cedo, o líder do governo na Câmara garantiu que a votação do segundo turno da PEC ocorrerá na terça-feira e que a proposta será aprovada. No final da tarde, o presidente da Casa entrou com recurso para revogar da decisão de Weber pelo STF.

A PEC, que altera as regras sobre as dívidas do governo cujo pagamento foi determinado pela Justiça, abre espaço fiscal para um benefício social temporário até o final de 2022, quando o presidente Jair Bolsonaro deve tentar a reeleição.

De acordo com o sócio Manchester Investimentos Eduardo Cubas Pereira, a PEC é o principal assunto no momento, embora já esteja claro que o governo fará algum ajuste no teto de gastos a fim de buscar espaço fiscal de olho em medidas visando 2022.

"A dúvida é qual a magnitude desse ajuste e que tipo de portas abertas serão deixadas para que novos ajustes sejam feitos depois", afirmou.

Apesar das fortes críticas na ocasião do anúncio da proposta, o mercado se resignou de que a PEC é opção possível para a adoção do chamado "Auxílio Brasil".

Na visão de Cubas Pereira, a falta de um desfecho sobre a PEC e as dúvidas sobre as perspectivas fiscais do país são as principais preocupações do mercado brasileiro e explicam o descolamento do Ibovespa das bolsas globais.

Em Wall Street, a semana começou no azul após aprovação de um pacote de infraestrutura de 1 trilhão de dólares nos Estados Unidos.

A partir desta segunda-feira, a bolsa paulista passou a fechar mais tarde, com o término do call de fechamento às 18h.

DESTAQUES

- VALE ON saltou 5,44%, na esteira da alta do minério de ferro na Ásia, após as ações teem caído quase 10,5% na semana passada. GERDAU PN subiu 3,84%, após aprovação de lei de infraestrutura no Congresso dos EUA. USIMINAS PNA valorizou-se 4,56%, com números da Anfavea mostrando alta na produção e vendas de veículos no país em outubro ante setembro.

- PETROBRAS PN subiu 1,04%, também recuperando parte das perdas da semana passada, de mais de 5%, beneficiada pelo avanço do petróleo. Além disso, Bolsonaro voltou a falar em privatizar a petrolífera, acrescentando que o ideal seria fatiá-la para então vendê-la a várias empresas privadas.

- CIELO ON valorizou-se 4,37%, com a melhora na recomendação das ações da empresa de meios de pagamentos pelo JPMorgan, de underweight para neutra.

- BANCO DO BRASIL ON valorizou-se 0,65% antes do balanço do terceiro trimestre, após o fechamento do mercado. No setor, ITAÚ UNIBANCO PN caiu 0,52%, tendo no radar anúncio de que o Banco Central autorizou o banco a comprar 11,38% da XP. Em Nova York, a ação da XP caiu 2,57%.. BANCO INTER UNIT tombou 7,30%, pior desempenho entre os bancos do Ibovespa, após valorização de cerca de 30% da semana passada.

- M.DIAS BRANCO ON, que não está no Ibovespa, avançou 4,12%, mesmo após a fabricante de massas e biscoitos reportar declínio no lucro do terceiro trimestre, uma vez que a receita líquida marcou recorde no período, com aumento de preços para recompor margens.

(Edição Aluísio Alves)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos