Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,99 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,15
    -10,24 (-13,06%)
     
  • OURO

    1.788,10
    +1,20 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    54.698,71
    +321,98 (+0,59%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.365,60
    -89,82 (-6,17%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,04 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    -266,34 (-3,64%)
     
  • HANG SENG

    24.080,52
    -659,64 (-2,67%)
     
  • NIKKEI

    28.751,62
    -747,66 (-2,53%)
     
  • NASDAQ

    16.051,00
    -315,00 (-1,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3485
    +0,1103 (+1,77%)
     

Ibovespa fecha em queda com incertezas sobre PEC dos Precatórios; Vale e bancos pesam

·1 min de leitura

SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa caiu nesta quinta-feira pelo quarto pregão consecutivo, ainda sob pressão das incertezas que rondam a tramitação da PEC dos Precatórios no Congresso.

De acordo com dados preliminares, o Ibovespa fechou em queda de 0,6%, a 102.332,46 pontos. O volume financeiro era de 26,6 bilhões de reais.

Vale foi a principal contribuição negativa do índice, na esteira da queda dos preços do minério de ferro, seguida por companhias do setor financeiro, como Itaú Unibanco, B3 e Bradesco. Na ponta oposta, ficaram Intermédica e JBS, que vinham com desempenho negativo nos últimos pregões.

(Por Andre Romani)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos