Mercado abrirá em 50 mins
  • BOVESPA

    110.140,64
    -1.932,91 (-1,72%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.874,91
    -1.144,00 (-2,08%)
     
  • PETROLEO CRU

    75,80
    -0,08 (-0,11%)
     
  • OURO

    1.925,90
    -4,90 (-0,25%)
     
  • BTC-USD

    23.440,14
    -360,04 (-1,51%)
     
  • CMC Crypto 200

    535,34
    -9,97 (-1,83%)
     
  • S&P500

    4.179,76
    +60,55 (+1,47%)
     
  • DOW JONES

    34.053,94
    -39,02 (-0,11%)
     
  • FTSE

    7.833,78
    +13,62 (+0,17%)
     
  • HANG SENG

    21.660,47
    -297,89 (-1,36%)
     
  • NIKKEI

    27.509,46
    +107,41 (+0,39%)
     
  • NASDAQ

    12.653,25
    -193,50 (-1,51%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5015
    +0,0118 (+0,21%)
     

Ibovespa fecha com declínio marginal após ataques em Brasília

SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa fechou com baixa discreta nesta segunda-feira, com os ataques no domingo às sedes dos Três Poderes em Brasília por bolsonaristas pedindo um golpe contra Luiz Inácio Lula da Silva tendo efeito limitado no mercado, dada a percepção de agentes de que não devem desencadear uma crise política.

Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa caiu 0,12%, a 108.832,10 pontos, de acordo com dados preliminares. O volume financeiro no pregão somava 18,5 bilhões de reais.

Na máxima, chegou a encostar em 110 mil pontos, mas perdeu fòlego com a piora em Nova York no final da sessão. O S&P 500 tinha baixa de 0,07% no fechamento preliminar.

(Por Paula Arend Laier)