Mercado abrirá em 5 h 29 min

Ibovespa cai para faixa dos 115 mil pontos com mutação de vírus no radar

Peter Frontini
·2 minuto de leitura
.

Por Peter Frontini

SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa caiu forte e voltou ao patamar de 115 mil pontos nesta segunda-feira, em meio a temores globais causados por uma nova variante do coronavírus encontrada no Reino Unido.

O Ibovespa caiu 1,86%, a 115.822,57 pontos. O volume financeiro, turbinado pelos 28 bilhões de reais do exercício dos contratos de opções sobre ações, somou 59,4 bilhões de reais.

A descoberta da nova variante do vírus, pouco antes da expectativa de uma ampla disponibilidade de vacinas, desencadeou uma nova onda de pânico em meio a uma pandemia que já matou cerca de 1,7 milhão de pessoas em todo o mundo.

Diversos países europeus impuseram novas restrições a viagens oriundas do Reino Unido diante do receio com a disseminação da nova cepa. O país também adotou restrições mais rígidas para conter o avanço da doença.

No pior momento da sessão, o Ibovespa chegou a cair 2,8%.

Para Pedro Serra, gerente na Ativa Investimentos, esse cenário disparou um movimento de realização de lucros na bolsa brasileiras, após a forte alta das últimas semanas.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) pediu cautela contra um grande alarme em torno da variante do vírus, mencionando que isso é normal no desenvolvimento da pandemia.

Mencionando dados do Reino Unido, autoridades da OMS disseram não ter nenhuma evidência de que a variante deixe as pessoas mais doentes ou seja mais letal do que as cepas existentes da Covid-19, embora poss se propagar-se mais rápido.

DESTAQUES

- PETROBRAS PN caiu 3,8%, enquanto PETROBRAS ON perdeu 3,7%. Novas medidas de isolamento social diante da nova cepa do vírus abalaram os contratox futuros do petróleo, que chegaram a cair mais de 5%.

- GOL PN desvalorizou-se 4,77%, também afetada pelas novas restrições relacionadas à pandemia. Mais cedo, a empresa anunciou precificação de emissão de 200 milhões de dólares com vencimento em 2026. AZUL PN fechou em queda de 3,82% e CVC ON caiu 3,93%.

- MAGAZINE LUIZA ON avançou 1,96%, melhor desempenho do índice. A varejista anunciou a compra da fintech de pagamentos Hub Prepaid por 290 milhões de reais, ampliando oferta de produtos financeiros.

- CSN ON subiu 1,5%, para nova máxima recorde. Os futuros do minério de ferro na bolsa chinesa de Dalian saltaram quase 10% apesar dos receios sobre a nova cepa de coronavírus. Do outro lado, VALE ON perdeu 1,07%, mas ainda acumula alta de quase 70% em 2020.