Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,69 (-0,69%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,56 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,95
    +0,65 (+0,89%)
     
  • OURO

    1.750,60
    +0,80 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    42.638,69
    -1.920,68 (-4,31%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.067,20
    -35,86 (-3,25%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,18 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    -26,87 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    24.192,16
    -318,82 (-1,30%)
     
  • NIKKEI

    30.248,81
    +609,41 (+2,06%)
     
  • NASDAQ

    15.319,00
    +15,50 (+0,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2556
    +0,0306 (+0,49%)
     

Ibiuna expande time de ações e traz ex-Itaú Asset como sócio

·2 minuto de leitura

(Bloomberg) -- A Ibiuna Investimentos, criada em 2010 pelos ex-diretores de política monetária do Banco Central Mario Torós e Rodrigo Azevedo, está ampliando a sua equipe de ações.

A gestora contratou Gustavo Allevato, ex-Itaú Asset Management, como sócio e analista focado nos setores de materials e energia, disse André Lion, sócio e CIO da estratégia de ações. Ao longo dos últimos meses, a Ibiuna também trouxe Victor Schabbel, ex-analista do Bradesco BBI e diretor de RI da Cielo, e João Borges Filho, que foi analista sênior de ações na BNP Paribas Asset Management e passou pela Schroders.

“O movimento de migração para a renda variável no Brasil deve continuar ao longo dos próximos anos e tomamos a decisão de investir no negócio do ponto de vista estratégico, fortalecendo o time”, disse Lion.

A Ibiuna tem cerca de R$ 22 bilhões sob gestão, sendo que R$ 2,5 bilhões na estratégia focada em ações. Lion vê espaço para a estratégia mais do que dobrar de tamanho em até três anos, em meio ao aumento do volume diário negociado e com o número crescente de companhias abrindo capital no mercado local. A equipe de ações já conta com 11 pessoas e ainda poderá ser reforçada, segundo ele.

Entre as principais apostas da Ibiuna na bolsa brasileira, estão Vale, Petrobras, Unidas, Movida, Hypera, Totvs e Ambipar. A gestora tem procurado fazer apenas mudanças mais pontuais desde que o mercado “entrou em tendência mais ácida”, aumentando posições em nomes como Hapvida, Porto Seguro e BR Distribuidora. “São empresas bem tocadas, com uma história interessante e valuation que chama atenção”, disse Lion.

O Ibovespa interrompeu uma sequência de ganhos mensais em julho e acumula baixa de 4% em agosto, em meio a preocupações globais relacionadas ao impacto econômico do coronavírus e com desconforto dos investidores em relação ao quadro político e fiscal no Brasil.

More stories like this are available on bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos