Mercado fechará em 2 h 59 min

IBGE: 5,9 milhões não tomaram nenhuma medida contra covid no início de setembro

Bruno Villas Bôas
·1 minuto de leitura

Número de pessoas que não adotaram restrições foi o maior desde o começo de maio, mostram dados da Pnad Covid Semanal O número de pessoas que não tomaram medida de restrição para evitar o contágio do novo coronavírus chegou a 5,9 milhões na primeira semana de setembro, maior nível desde o início de maio, mostram dados da Pnad Covid Semanal, pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgada nesta sexta-feira A pesquisa também identificou que o grupo de pessoas que ficou rigorosamente isolado diminuiu para 37,3 milhões na primeira semana do mês, 1,6 milhão a menos na comparação com a última semana de agosto. Desde o início de julho, esse grupo recuou em 10,6 milhões de pessoas. O comportamento reflete a flexibilização das medidas de isolamento social em curso nas cidades brasileiras. Taxa de desemprego cai a 13,7% no início de setembro, aponta IBGE A pesquisa estimou que 9,9 milhões de pessoas (4,7% da população do país) apresentavam pelo menos um dos 12 sintomas associados à síndrome gripal. Entre elas estão febre, tosse, dor de garganta, dificuldade para respirar e dor de cabeça, por exemplo. É um contingente menor do que na semana anterior (11,3 milhões). Roberto Parizotti/Fotos Públicas